Google lança finalmente o WearOS 3 para smartwatches menos recentes

Carlos Oliveira
Comentar

Lançado a meados de 2021, o Wear OS 3 veio revitalizar o sistema operativo para relógios inteligentes da Google. A primeira marca a adotar este sistema foi a Samsung e desde então muito se interrogam se outros modelos terão direito ao mesmo software.

Em breve, teremos o primeiro lote de smartwatches a ser atualizado para o Wear OS 3. Os primeiros modelos são da autoria da Fossil, tendo sido a própria marca a dar a conhecer a proximidade da atualização dos seus produtos.

Fossil prepara-se para lançar o Wear OS 3 para os modelos Gen 6

A marca de relógios americana anunciou que começará a disponibilizar o Wear OS 3 para os seus produtos no dia 17 de outubro. Será, portanto, já no início da próxima semana que os detentores de alguns modelos Gen 6 receberão a tão desejada atualização.

Fossil Gen 6 Wellness Edition

Em rigor, esta atualização chegará aos Fossil Gen 6, Michael Kors Gen 6 e Skagen Falster Gen 6. A esta lista junta-se ainda o Gen 6 Wellness Edition, cujo lançamento para o mercado está marcado precisamente para 17 de outubro.

Para proceder à desejada atualização para o Wear OS 3, os utilizadores terão de restaurar as definições de fábrica dos seus relógios. Ademais, terão de atualizar a aplicação companheira da Fossil para a sua mais recente versão.

Relativamente a esta atualização, a Fossil informa que os seus utilizadores devem esperar uma interface de utilizador semelhante à do Pixel Watch. Ou seja, a marca não aplicará uma personalização forte como a Samsung, apostando num design mais próximo da versão base do Wear OS.

Ainda assim, a marca aplicará a.alguns truques próprios que não encontrarás em equipamentos de outras marcas. Por exemplo, terás modos de bateria personalizáveis, a app Wellness para monitorização de saúde e desporto e compatibilidade com o iOS.

É verdade, os relógios inteligentes da Fossil serão os primeiros com Wear OS 3 a serem compatíveis com o iPhone. Para quem usar o smartphone da Apple, mas preferir o sistema operativo da Google, os modelos Gen 6 da Fossil são a escolha perfeita.

Importa ainda notar que a atualização do Wear OS 3 a chegar aos relógios da Fossil virá desprovida da Assistente Google. Ao que tudo indica, esta ausência deve-se a problemas de compatibilidade deste software com relógios com os processadores da Qualcomm.

Para quem preza a presença de uma assistente virtual no seu relógio, a alternativa recai sobra a Alexa da Amazon. A respetiva aplicação já se encontra disponível para os relógios da Fossil desde o início deste ano.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.