Xiaomi: Redmi Note 12 pode ser um dos smartphones de média gama mais poderosos do mercado

Mónica Marques
Comentar

Acaba de ser divulgado que mais dois novos smartphones Xiaomi, apontados como sendo os próximos modelos da série Redmi Note 12, receberam certificações cruciais para entrada no mercado.

Depois de se ter concentrado na experiência, com estes modelos a Xiaomi vai agora centrar-se no desempenho integrando processadores à altura do desafio.

Nova série Redmi Note 12 já passou por certificações cruciais

Weibo Digital Chat Station

Nestes últimos anos, o segmento de smartphones de gama média tem registado o aparecimento de modelos mais potentes que conjugam especificações atrativas com um preço mais acessível.
Uma das marcas que mais tem impulsionado o mercado nesse sentido é a Xiaomi, sobretudo com modelos da sua submarca Redmi.

E parece que a marca chinesa vai continuar a apostar nesta estratégia, sendo que mais dois novos terminais apontados, como os próximos modelos Redmi Note 12, acabam de passar por certificações cruciais para entrarem no mercado.

A informação chega através do leaker Digital Chat Station que publicou na rede social Weibo os documentos referentes às certificações dos modelos designados por 22041216UC e 22041216C que serão, então, os terminais da nova série Redmi Note 12.

A previsão do conhecido leaker ganha ainda mais força se recordarmos que Lu Weibing, responsável máximo da Redmi, já tinha conformado anteriormente que a série Note seria atualizada de seis em seis meses.

E se na série Redmi Note 11, a Xiaomi se concentrou na vertente experiência, ao que tudo indica na nova série 12 vai centrar todos os seus esforços no desempenho, o que são ótimas notícias para os utilizadores.

Serie Redmi Note 12 vai ser equipada com processador da Mediatek

Redmi Note 11
A série Redmi Note 11 está disponível em Portugal a partir de 229,90 euros

Ao focar-se no desempenho, a Xiaomi terá de apostar num processador eficaz e potente e parece que é exatamente isso que vai acontecer. De acordo com os rumores até agora divulgados, a série Redmi Note 12 chegará com um processador MediaTek aos comandos. A dúvida é se será o Dimensity 1300 ou o Dimensity 8000.

No caso do Dimensity 1300 estamos perante um processador que usa o porcesso de 6 nm da TSMC. É um chip octa-core com quatro núcleos Cortex-A78, sendo que um destes é um super núcleo de 3,0 GHz. Conta ainda com quatro núcleos Cortex-A55 de 2,0 GHz e uma placa gráfica ARM Mali-G77 MC9.

Por sua vez, o Dimensity 8000 utiliza o processo de 5 nm da TSMC e é composto por quatro núcleos grandes Cortex-A78 e quatro núcleos pequenos Cortex-A55 de 2,85 GHz.

Outros rumores apontam também que nova série Redmi Note 12 trará consigo também uma bateria de longa duração. De resto, espera-se que esta linha seja apresentada em maio e que esteja nas prateleiras das lojas chinesas, numa primeira fase, em junho.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.