WhatsApp: o que fazer em caso de roubo da conta

Rui Bacelar

O WhatsApp é a plataforma e aplicação de mensagens instantâneas mais usada no Mundo. Com mais de 2 mil milhões de utilizadores ativos segundo a Statista, a sua popularidade atrai também atenções indesejadas que podem pôr a tua conta em risco.

Infelizmente, é ainda comum vemos relatos de contas roubadas, identidade usurpada e acesso indevido à conta. Nestes casos é essencial agir rápido. Para isso, mostramos aqui o que fazer caso roubem a conta de WhatsApp e como não cair em esquemas.

Como recuperar a conta de WhatsApp

O primeiro sinal de que algo está mal com a conta é a notificação apresentada ao entrar no WhatsApp. Ao abrir a app no smartphone Android ou iOS será apresentada a seguinte mensagem, dando a saber que o número já não está registado naquele telefone.

WhatsApp dica

A notificação apresenta acima, se o utilizador não tiver trocado de telefone, por exemplo, indicará que a conta foi roubada. Sinaliza que o controlo da mesma já não está do nosso lado, mas sim nas mãos do hacker ou pirata informático.

De imediato recomendamos que tome os seguintes passos:

  • Tocar na opção "Verificar" apresentada no prompt de notificação
  • Inserir o número de telefone associado à conta de WhatsApp

Para recuperar a conta do WhatsApp temos que voltar a verificar o nosso número. Para isso é necessário receber o código de 6 dígitos que é enviado através de SMS, ou alternativamente, a chamada telefónica de confirmação.

Caso a conta tenha sido roubada, o controlo da mesma está do lado do hacker e para a recuperar temos que voltar a associar e verificar o número legítimo à conta respetiva.

O código de verificação não deve ser partilhado em qualquer instância, sob pena de roubo da conta.

WhatsApp dica

  • Inserir o número telefónico, verificar o país e indicativo correto
  • Tocar em "Seguinte", no botão apresentado mais abaixo
  • Em seguida será apresentada uma janela / notificação similar

Assim que a SMS for recebida pelo telefone o preenchimento do campo é automático. O utilizador também pode optar pela chamada telefónica de verificação de conta, ou caso não atenda a chamada, terá o código de autenticação no correio de voz.

A chamada telefónica não deve ser o meio preferencial de autenticação uma vez que é um elo frequentemente explorado por hackers, mais especificamente a mensagem que pode ser deixada no correio de voz caso não a atenda.

WhatsApp Dica

Assim que o código de verificação com 6 dígitos for inserido a outra pessoa será desvinculada da sua conta. Está assim recuperada a conta de WhatsApp caso a mesma tenha sido roubada, ou circunstâncias similares de acesso indevido.

Por fim, tem de novo o acesso pleno às conversas e mensagens nesta plataforma. Mas, para evitar novas ameaças, aconselhamos a prática das seguintes recomendações.

3 recomendações de segurança para o WhatsApp

1. Ative a verificação em duas etapas. É um procedimento simples, disponível nas opções do serviço, rápido de configuração e dificulta o roubo de conta.

Caso o hacker tenha ativado a verificação em duas etapas, o processo de recuperação de conta será mais difícil e pode demorar até 7 dias.

2. Instalar a aplicação através do website oficial. A app está disponível no website oficial, além da Google Play Store para dispositivos Android, bem como na App Store para dispositivos iOS como o iPhone.

A instalação de versões não oficiais, ou algumas apps que prometem "melhorar" o WhatsApp podem levar ao cancelamento da conta.

3. Nunca partilhar o código de verificação. São os 6 dígitos sagrados que podem ditar a possa de uma determinada conta. Não os partilhes de modo algum, sendo o método mais usado para esse fim. É um código pessoal e não deve ser transmitido.

Tira mais proveito do teu WhatsApp:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.