OnePlus 9 Pro longe de ter as melhores câmaras, segundo a DxOMark

Bruno Coelho
Comentar

Esta semana os especialistas da DxOMark publicaram finalmente a sua análise às câmaras do topo do gama da OnePlus para 2021. O OnePlus 9 Pro chega com Snapdragon 888, um ecrã AMOLED LTPO de 6,7” polegadas com 120Hz de taxa de atualização, 5G e uma bateria de 4500mAh. Mas foi nas câmaras que a marca apostou todas as fichas.

A OnePlus firmou uma parceria histórica com a Hasselblad com o objetivo de “levar a fotografia mobile para outro nível”. Lançou, por isso, um sistema com quatro câmaras: principal de 48MP, ultrawide de 50MP, telefoto de 8MP e sensor monocromático. Mas a sua classificação no ranking da DxOMark está longe de impressionar.

OnePlus 9 Pro recebeu "apenas" 124 pontos no ranking da DxOMark

O smartphone recebeu uma classificação geral de 124 pontos, que o coloca apenas na 14ª posição da atual lista dos melhores smartphones para fotografia. Conseguiu mais um ponto que o Samsung Galaxy S21 Ultra (123), e teve a mesma pontuação que o iPhone 11 Pro Max (123).

Classificação do OnePlus 9 Pro no ranking da DxOMark
Classificação do OnePlus 9 Pro no ranking da DxOMark

Positivamente, a DxOMark destaca o preciso balanço de brancos em todas as condições, e os altos níveis de detalhe, mesmo em fotografias no interior. A exposição é fiável, tem focagem automática rápida e precisa, estabilização efetiva e o ruído é bem controlado na maioria dos vídeos.

Negativamente, apresenta luminância e ruído de cor em todas as condições. Sobreexpõe e limita o alcance dinâmico em cenas iluminadas, e apresenta ocasionais falhas de focagem automática. As fotografias e vídeos apresentam artefactos visíveis, e existem alguns erros e instabilidade no balanço de brancos de vídeos com pouca luz.

Como sempre, devemos olhar para esta classificação como apenas mais um barómetro na hora de adquirir um smartphone.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.