Nokia X10 e Nokia X20 são oficiais com conectividade 5G e preço questionável

Carlos Oliveira
Comentar

A HMD Global deu hoje a conhecer os novos smartphones de entrada com a marca Nokia. Temos os Nokia X10 e Nokia X20 para dar início a uma nova era na designação dos equipamentos da finlandesa e são indicados para quem procura um dispositivo com preço acessível.

Os novos Nokia fazem das suas principais bandeiras o suporte e a conectividade com as novas redes 5G. O seu preço começa nos €310 e é aqui que podemos começar a questionar a estratégia da marca.

Nokia X20

Nokia lançou dois equipamentos de gama de entrada com várias semelhanças

A olho nu, os novos Nokia X10 e Nokia X20 são indistinguíveis um do outro. Ambos partilham a mesma filosofia de design, câmara quadrupla com o selo ZEISS e até a dimensão dos seus ecrãs.

Assim sendo, ambos os smartphones Android são movidos pelo processador Qualcomm Snapdragon 480. É graças a este SoC que os Nokia X10 e X20 adquirem a sua compatibilidade com as redes 5G.

Outra semelhança é o ecrã destes dispositivos de entrada. Temos dois painéis LCD de 6,67" polegadas, com resolução Full.HD+ e uma taxa de atualização de apenas 60Hz. O seu brilho ascende apenas aos 450 nits e chegam com um protetor de ecrã de oferta na sua caixa de retalho.

Nokia X10 Nokia X20

As suas baterias são de 4470mAh, com carregamento a 18W por cabo USB-C. É nossa obrigação alertar para o facto de o Nokia X10 não trazer carregador de parede na caixa, porém, o X20 já oferece esse importante acessório.

Onde começam as diferenças entre os Nokia X10 e X20 é na composição das suas câmaras. Embora ambos venham com quatro sensores na traseira, as suas resoluções são diferentes.

O Nokia X20 vem com um sensor principal de 64MP, apoiado por um grande angular de 5MP, um macro de 2MP e um de profundidade com a mesma resolução. Por sua vez, o Nokia X10 apresenta-se com um sensor principal de 48MP, mantendo a restante configuração.

Especificações do Nokia X10

  • Ecrã IPS LCD de 6,67" polegadas com resolução Full-HD+
  • Taxa de atualização de 60Hz
  • Processador Snapdragon 480
  • 4GB ou 6GB de RAM
  • 64GB ou 128GB de memória interna expansível até 512GB
  • Câmara traseira: 48MP (principal) + 5MP (grande angular) + 2MP (macro) + 2MP (profundidade)
  • Câmara frontal de 8MP
  • Bateria de 4470mAh
  • Carregamento rápido de 18W
  • Sensor de impressões digitais na lateral
  • Conectividade 5G

Especificações do Nokia X20

  • Ecrã IPS LCD de 6,67" polegadas com resolução Full-HD+
  • Taxa de atualização de 60Hz
  • Processador Snapdragon 480
  • 6GB ou 8GB de RAM
  • 128GB de memória interna expansível até 512GB
  • Câmara traseira: 64MP (principal) + 5MP (grande angular) + 2MP (macro) + 2MP (profundidade)
  • Câmara frontal de 32MP
  • Bateria de 4470mAh
  • Carregamento rápido de 18W
  • Sensor de impressões digitais na lateral
  • Conectividade 5G

Nokia X10 e Nokia X20 prometem atualizações durante três anos

Os novos smartphones da Nokia são uma clara aposta na longevidade deste tipo de equipamento. Sinal claro dessa intenção é a garantia de três anos de atualizações para o Nokia X10 e Nokia X20.

Está assim garantido que ambos os equipamentos receberão atualizações de sistema e de segurança ao longo dos próximos três anos. Um cenário que habitualmente vemos apenas nos topos de gama deste mercado.

Nokia X10 Nokia X20

Visto que ambos são lançados com o Android 11, estão garantidas as respetivas atualizações pelo menos até ao Android 14. Facto muito positivo, tendo em conta que falamos de dispositivos de gama de entrada.

Preço dos Nokia X10 e Nokia X20 pode ser o grande inimigo

A HMD deixou a garantia de que o Nokia X20 chegaria às lojas em maio, por €350. Já o X10 chegará apenas em junho por um preço recomendado de €310.

São valores um pouco acima daquilo que os seus principais concorrentes oferecem nesta faixa do mercado e isso poderá ser penalizador para a finlandesa. Porém, aqueles que optem por um destes modelos ficam com a garantia de receber atualizações durante mais anos do que encontraram em modelos um pouco mais baixos.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.