Nokia C12 chega à Europa com um preço inferior a 120 euros

Mónica Marques
Comentar

Ainda que atualmente a Nokia seja uma marca menos relevante no mercado de smartphones, continua a lançar modelos interessantes, sobretudo pelos seus preços mesmo muito acessíveis.

O Nokia C12 é exatamente um bom exemplo dessa estratégia e chega ao mercado europeu com um preço amigo de 119 euros e a executar Android 12 Go Edition.

Especificações Nokia C12

Nokia C12
Crédito@Nokia

Longe vão os tempos em que muitos utilizadores europeus elegiam os modelos Nokia como os seus smartphones de eleição. Mas a marca não desapareceu totalmente, apenas se tornou mais discreta e com uma estratégia de mercado diferente.

Agora lança poucos novos modelos por ano, mas com preços acessíveis a qualquer carteira. Neste momento, está a disponibilizar no mercado europeu o novo C12 que chega com um custo de apenas 119 euros.

Ora o preço reflete as especificações que são típicas do segmento mais acessível de smartphones.

A zona frontal é ocupada pelo ecrã de 6,3 polegadas que fornece resolução HD+ e está perfurado ao centro para alojar a câmara frontal. Esta fornece uma resolução de cinco megapixéis e funciona, em simultâneo, para desbloquear o terminal, através do reconhecimento facial. Por essa razão, este modelo não integra um sensor para leitura de impressões digitais.

O painel traseiro apresenta um design com padrão texturizado para facilitar o segurar e o manuseamento do aparelho, sem que aconteçam quedas inesperadas. Aqui entra-se também um sensor de oito megapixéis emparelhado com um flash LED.

O Nokia C12 conta com classificação IP52, por isso é resistente a poeira e salpicos de água. A assegurar a conectividade estão as comunicações 4G, Wi-Fi, Bluetooth 5.2, GPS, uma porta micro USB e ainda uma entrada de áudio de 3,5 milímetros para ser ligada a uns auscultadores.

No interior aloja o processador Unisoc SC9863A octa-core emparelhado com 2 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno. Este último é expansível através da entrada para cartões microSD incluída.

De resto, chega a executar Android 12 Go Edition e é alimentado por uma bateria de 3.000 mAh que, de forma surpreendente, pode ser removida pelo utilizador. Este é mesmo um modelo “old school”.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira. Email:monicamarques@4gnews.pt