Detector de Plágio
Detector de plágio gratuito

O plágio (vulgo cópia) é um fenómeno que teima em persistir no mundo académico e mesmo no mundo digital. Apesar de existirem várias ferramentas de verificação de fontes e correspondência, por vezes um simples detector de plágio fará toda a diferença na tua vida profissional ou pessoal.

No mundo digital e particularmente nas publicações de imprensa, sector onde os Blogs se têm evidenciado, nem sempre reina a boa -fé ou o profissionalismo e código de conduta adequada. Passos simples como declarar as fontes de informação são frequentemente omitidos e um simples detector de plágio pode fazer a diferença na hora de confrontar alguém que possas estar a usar indevidamente as tuas palavras e o teu trabalho.

Contudo, é no contexto académico em que um detector de plágio se revela particularmente útil. Em Portugal e no Brasil a maioria das universidades e instituições de ensino superior já utilizam pelo menos um detector de plágio. Sempre que submetes um trabalho, um relatório ou até uma tese (monografia), deves, obviamente declarar todas as tuas fontes de forma clara e não custa nada certificar-te de que o teu trabalho é, essencialmente, original.

   
detector de plágio
Relatório completo

O Plag.pt apresenta como principais vantagens a rapidez e o facto de trabalhar no modo “Fremium”. Isto é, podes submeter os teus trabalhos para revisão e análise, recebendo o relatório gratuitamente. Se sentires que a análise não está suficientemente abrangente ou concreta podes fazer um pagamento único, desbloqueando várias ferramentas adicionais e ainda mais detalhes na análise dos teus documentos.

Este detector de plágio seria perfeito se pudesse analisar documentos em PDF mas, sendo ele gratuito, não estava à espera que fosse extremamente abrangente e repleto de funcionalidades.  Em suma, serve bem para analisar documentos de texto mas gostaria de ver mais formatos uma vez que uso, maioritariamente, arquivos em PDF.

Algo que gostei particularmente foi o sistema de pontuação apresentada pelo detector de plágio. Isto é, após a análise o teu documento receberá uma pontuação de 0 a 100% que reflecte a percentagem de cópia presente no teu documento. Desde o número de frases similares, paráfrase e transcrições e até nos dá os links (as ligações) de algumas fontes. Um relatório bastante detalhado, mesmo num serviço gratuito. Receberás as informações no ecrã passado cerca de um minuto ou, caso tenhas desligado o computador, receberás as informações no teu email.

detector de plágio

Existem vários sites a prestar essencialmente o mesmo tipo de serviços mas raros são aqueles que te dão tanto detalhe nos seus relatórios e rapidez na produção dos mesmos. Temos o plagiarisma, o plagium, o Plagtracker, Duplichecker, o Copyscape, entre outros. Especialmente se trabalhares num Blog ou numa pequena redação, estas pequenas ferramentas gratuitas podem ser bem úteis. O meu veredicto acaba por ser positivo quanto aos serviços oferecidos pelo Plag.pt. É simples de usar e o modo fremium não é enganador.

Por vezes utilizamos certas frases, certos parágrafos ou mesmo certos textos e pensamentos como se fossem nossos. Incorporando-os de seguida nas nossas publicações. Ao invés de ser usado como fonte de inspiração para que o aluno, em seguida, desenvolva a sua própria investigação ou linha de pensamento, certos trechos são simplesmente copiados e incorporados no trabalho. Mais uma vez, nem sempre as fontes são devidamente citadas.

detector de plágio
Relatório no email

Sobretudo no ensino superior, e mesmo no secundário e básico, os professores estão cientes deste fenómeno e acreditem que já existem várias ferramentas de verificação, um simples detector de plágio pode expor o verdadeiro empenho que o aluno dedicou ao trabalho. Por outro lado, se fores aluno, certifica-te de que a tua publicação não apresenta um índice preocupante neste detector de plágio. Ao usares o Plag.pt o documento não ficará timbrado, isto é, podes submeter o teu trabalho sem qualquer preocupação. Especialmente nas imediações de um final de período ou semestre, a pressão aumenta, tal como a tentação.

Plag.pt – Detector de Plágio Gratuíto

O Plag.pt é um site que te permite averiguar de forma simples e expedita o grau de originalidade do teu artigo/trabalho. Através de uma comparação com os milhares de artigos/textos na Internet, este detector de plágio fornecerá  um relatório bem completo das frases que são plagiadas e chega mesmo a oferecer a possibilidade de verificar a fonte de cada frase exibida como plágio. Podes desbloquear mais funcionalidades mediante um pagamento único.

De forma rápida, este detector de plágio dá-te um relatório bem abrangente dos elementos da tua publicação. Trata-se de uma ferramenta útil para docentes e alunos ao mesmo tempo, poupando tempo ao docente e incentivando o aluno a esforçar-se mais. Em suma, este detector de plágio não deixa margem de dúvidas quanto à originalidade de um texto.Detector de Plágio

O Plag.pt é um serviço gratuito, implica o registo mas o mesmo pode ser efetuado com a tua conta Facebook, Google, etc. Podes submeter documentos em formato .doc e .docx. Numa questão de  minutos receberás no programa, ou no teu email caso tenhas fechado a página, o relatório completo com a percentagem de plágio presente no teu trabalho e os conteúdos plagiados apresentados a vermelho. Consulta este detector de plágio, aqui.

Os Nokia estão de volta! Hands-on do Nokia 5 e Nokia 6

Samsung Galaxy Note 8 – Primeiras impressões técnicas alegadamente reveladas

Creators Update para Windows 10 Mobile será mais importante do que aparenta

FontePatrocinada

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).