5G da NOS já cobre 75% da população portuguesa (vídeo)

Bruno Coelho
Comentar

A aventura começou em dezembro de 2021. Foi aí que a NOS se tornou na primeira operadora a disponibilizar a nova geração de rede móvel em Portugal. Desde aí que podes ter acesso a uma rede móvel mais rápida com menor tempo de resposta e mais segurança.

Nos maiores centros urbanos, o 5G da NOS já está disponível e nos próximos meses a rede 5G na NOS continuará a chegar de forma progressiva e rápida às outras zonas do país. A ambição da NOS é levar a velocidade do 5G a todos os portugueses.

Desse modo, a operadora expandiu o período de experimentação até 15 de setembro, à semelhança das concorrentes. Esta criou condições especiais de aquisição de equipamentos compatíveis com 5G, e desenhou novos tarifários, com maiores dotações de dados, que permitam tirar partido de todo o potencial desta nova geração.

Dito e Feito é o nome da campanha 5G da NOS

Para marcar a chegada 5G à vida dos portugueses, a NOS avançou com a campanha “Dito e Feito”. Esta reflete a promessa da NOS, “uma marca que sabe que quando a velocidade 10 vezes maior da nova rede móvel chega às utilizações do dia a dia, é tudo “feito”, “feito”, “feito””.

Esta campanha mostra como um download, um streaming, gaming online ou o acompanhamento ao vivo de um evento desportivo podem ser vividos como uma experiência tremendamente melhor.

Esta baseia-se na velocidade 10 vezes maior do 5G, e são destacados os benefícios da tecnologia, bem como a experimentação gratuita até 15 de setembro. Segundo a operadora a rede móvel 5G da NOS já cobre 75% da população portuguesa.

Para poderes experimentar o 5G, só tens de ter um smartphone compatível e estar num local com cobertura. A NOS reviu a sua oferta móvel, dotando de mais dados os seus tarifários pós-pagos.

Os tarifários “Gigas” (de 1 a 5GB) e “Mais Gigas” (de 10GB a ilimitados) colocam os dados móveis no centro da escolha e promovem novas dotações, mais abundantes, para uma maior liberdade de uso.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.