Jogas Call of Duty? Então está na hora de mudares a tua password

Carlos Oliveira
Comentar

Uma das sagas de jogos mais populares de sempre está hoje em destaque, pelas piores razões. A Activision, estúdio responsável pelo desenvolvimento de Call of Duty, foi vítima de um ataque informático que colocou em causa os dados dos seus milhões de jogadores.

A má notícia começou a ser dada por TheGamingRevolution na sua página no Twitter. Este utilizador revelou que várias contas de utilizador da Activision estão a ser publicadas com dados sensíveis.

Activision accounts are apparently being leaked so change your password, although that might not even help because they're apparently generating 1,000 accounts every 10 minutes.

— TheGamingRevolution (@TheGamingRevo3) 20 de setembro de 2020

Mais de meio milhão de contas terão sido expostas

Mesmo que a Activision ainda não se tenha pronunciado acerca do sucedido, fala-se já que mais de 500 mil contas de utilizador foram comprometidas. Esta falha de segurança fez com que dados como passwords e outros detalhes de login tenham sido expostos.

Isto deve ser um sinal de alerta para todos os que jogam o popular jogo Call of Duty e que são obrigados a ter uma conta destas aberta. Assim sendo, é aconselhável que mudes rapidamente a tua password para não perderes acesso aos teus dados, nem comprometer outros serviços.

Call of Duty

Este é um aviso que deve ser tido em consideração, especialmente depois dos relatos de que alguns utilizadores deixaram de conseguir aceder às suas contas. Isto porque os autores deste ataque terão entrado nas suas contas e alterado as passwords.

É ainda aconselhável o desvinculamento da tua conta Activision das homólogas da PSN, Xbox ou redes sociais. Tudo para garantir que, caso a tua conta tenha sido comprometida, não sofras problemas maiores.

A forma como este ataque informático foi conseguido ainda não foi esclarecida, mas, para os jogadores, isso são pormenores irrelevantes. O que é retido é que a Activision falhou em segurar os dados dos seus utilizadores e a empresa deveria pensar seriamente em oferecer maior segurança, por exemplo, com a implementação da autenticação de dois fatores.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.