iPhone 12: conhece as designações dos novos smartphones da Apple

Carlos Oliveira
Comentar

Faltam poucas semanas para a apresentação oficial dos novos iPhone 12. Este ano, devido às circunstâncias especiais que se vive no mundo, a Apple só irá revelar os seus novos smartphones em outubro.

Antes desse momento, o utilizador l0vetodream revelou, no Twitter, aquelas que poderão ser as designações oficiais dos novos iPhone 12. Na lista, vemos nomes bastante credíveis, mas há uma surpresa na nomenclatura do modelo de 5.4 polegadas.

12mini1212 Pro12 Pro Max

— 有没有搞措 (@L0vetodream) 21 de setembro de 2020

iPhone 12 mini deverá ser o nome do modelo mais pequeno desta geração

Sem dúvida que a grande surpresa desta lista é protagonizada pelo iPhone 12 mini. Este será o novo modelo que a Apple quer introduzir no mercado em 2020 e que será o mais compacto da marca dos últimos anos.

Com um ecrã de apenas 5.4 polegadas, adotando a notch e as suas margens reduzidas, o iPhone 12 mini será realmente um modelo extremamente pequeno. Algo que já não estamos habituados a ver em modelos topo de gama.

Nos restantes modelos prestes a serem revelados não vemos grandes surpresas. Teremos o iPhone 12 com um ecrã de 6.1 polegadas, o iPhone 12 Pro com 5.8 polegadas e, por fim, o iPhone 12 Pro Max com um ecrã de 6.5 polegadas.

iPhone 12

Algo que será transversal aos quatro modelos será o seu ecrã OLED e compatibilidade com redes de 5G. Adições importantes, mas que terão um impacto significativo nos custos de produção dos iPhone 12.

iPhone 12 poderão ser mais caros que o previsto

Inicialmente especulava-se que o iPhone 12 mini pudesse começar nos 649 dólares, o que faria dele um dos topos de gama mais acessíveis do mercado. Todavia, novas informações vêm contradizer essa teoria.

Ao que parece, o iPhone 12 mini vai afinal começar nos 699 dólares. Um valor que em Portugal deverá traduzir-se nos mesmos 829€ a que o iPhone 11 chegou às lojas. Já os modelos Pro deverão continuar acima dos 1000€.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.