Apple vai aumentar os preços do iPhone 14 Pro e iPhone 14 Pro Max

Mónica Marques
Comentar

Ao que tudo indica, os modelos Pro do iPhone 14 vão ter um preço inicial mais elevado que os seus antecessores.

Quem o diz é o analista Ming-Chi Kuo que avança que os modelos vão mesmo atingir um custo recorde, explicando as razões para que tal aconteça.

Apple: modelos Pro chegam mais caros por duas razões distintas

iPhone 13
iPhone 14 Pro e iPhone 14 Pro Max vão estar equipados com um novo sensor de 48 megapixéis e o chip A16 Bionic Crédito@Apple

Tanto o iPhone 14 Pro como o iPhone 14 Pro Max vão ter um custo incial superior aos seus antecessores. a informação chega através do analista Ming-Chi Kuo que chega mesmo a afirmar que ambos os modelos vão atingir um custo recorde no seu lançamento.

Mas o conhecido analista explica também as razões que levam a Apple a praticar estes preços elevados. Segundo Kuo, a empresa de Cupertino vai disponibilizar globalmente mais unidades, o que leva a uma inflação no preço.

Por outro lado, a situação geopolítica assim como a queda do euro face ao dólar também terá forçado a Apple a rever o preço dos seus modelos Pro que contam ainda com componentes mais dispendiosos do que os modelos ñão Pro.

Segundo os rumores, nos Estados Unidos da América o preço dos novos modelos Pro pode sofrer um aumento entre 10% a 15%, face às versões anteriores. Nesse sentido, o preço em dólares pode começar nos $ 1.099 face aos atuais $999.

Já na Europa, o iPhone 14 Pro pode começar nos 1259 euros contra os atuais 1.179 euros. O mesmo para o iPhone Pro Max que agora tem um custo a começar nos 1.279 euros, mas que na geração 14 pode começar com um preço próximo dos 1.400 euros.

iPhone 14 e 14 Max não vão ter o preço tão inflacionado

Mas nem todos os modelos do iPhone 14 vão ser sujeitos a esta inflação no preço. Segundo os últimos rumores, tanto o iPhone 14 como o 14 Max vão chegar com um custo bastante mais próximo dos antecessores.

É compreensível que a Apple não aplique aqui a estratégia de preço elevado, até porque essa medida podia ser mal interpretada pelo universo de fãs e adeptos da Apple.Afinal, estes dois modelos não vão ser alvo de uma atualização significativa, como os "irmãos Pro.

Recorde-se que ambos os terminais vão ter aos comandos o processador A15 Bionic, proprietário da marca, presente na geração anterior, assim como o mesmo sensor de 12 megapixéis.

Já os modelos iPhone 14 Pro e 14 Pro Max vão chegar equipados com um novo sensor de 48 megapixéis e o novo chip A16 Bionic que promete um desempenho de topo.

No início de setembro, no dia 6 ou 13, mais especificamente, poderemos confirmar todas estas informações.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.