Samsung quer vender 10 milhões de smartphones dobráveis em 2022

Mónica Marques
Comentar

Imediatamente a seguir à apresentação oficial dos novos Galaxy Z Fold 4 e Galaxy Z Flip 4, TM Roh, presidente da Samsung deu a conhecer os planos ambiciosos da marca sul-coreana.

De acordo com o responsável máximo, a Samsung quer vender nada mais nada menos que 10 milhões de dobráveis durante este ano e já se preparou para atingir esta meta ambiciosa.

Samsung garantiu que não vai sofrer o flagelo da falta de componentes

Samsung Galaxy Z Fold 4
O Samsung Galaxy Fold 4 tem uma variante com 1 TB de armazenamento interno disponível apenas online Crédito@Samsung

Assim que o evento Unpacked que revelou os novos Galaxy Z Fold 4 e Galaxy Z Flip 4 terminou, TM Roh, presidente e responsável MX Business da Samsung, deu a conhecer os planos ambiciosos que a marca tem para as suas novas séries de smartphones dobráveis.

De acordo com o responsável, a Samsung pretende vender 10 milhões de unidades durante este ano, a nível global. E para que nada falhe no caminho para esta meta, a marca "garantiu um número suficiente de componentes para que não haja problemas de fornecimento", garante Roh.

O mesmo responsável explica também que "a escassez generalizada de componentes atingiu o seu pico o ano passado, mas que agora está a diminuir e a Samsung espera que o problema esteja resolvido no próximo ano".

TM Roh também falou sobre os preços com que as novas séries de dobráveis vão chegar ao mercado. Diz que os preços "foram definidos para tornar estes smartphones populares e acessíveis aos utilizadores, apesar da pressão que a empresa enfrenta com o atual aumento no custo das matérias-primas, dificuldades na cadeia de fornecimento e inflação".

TM Roh acabou as suas declarações afirmando que criar um ecossistema à volta dos smartphones dobráveis apoiado pela confiança e usabilidade dos consumidores será sempre mais importante que os números de vendas obtidos pelos terminais.

Samsung Galaxy Z Fold 4 chega a Portugal com um custo a partir dos 1.859 euros

Samsung Galaxy Z Flip 4
O Samsung Galaxy Z Flip 4 tem preços mais acessíveis que o Galaxy Z Fold 4 Crédito@Samsung

Ontem, no evento UnPacked, a Samsung lançou a nível global as suas duas novas séries de smartphones dobráveis, mas as atenções focaram-se no Galaxy Z Fold 4 pelas suas especificações avançadas e preço a condizer.

Em Portugal, o modelo chega comum preço a começar nos 1.859 euros para a variante com 12 GB de memória RAM e 256 GB de armazenamento interno; já a versão com a mesma memória RAM e 512 GB de capacidade no armazenamento interno custa 1.979 euros.

Por fim, a variante com 12 GB de RAM e 1 TB de armazenamento, apenas disponível online em samsung.com, tem um custo de 2.239 euros.

Por sua vez, o Galaxy Z Flip 4 chega com preços menos "premium". A versão base com 8 GB de RAM e 128 GB de memória interna tem um custo de 1.149 euros; a variante com a mesma memória RAM e 256 GB de armazenamento sobe para 1.199 enquanto que a versão com 8 GB de memória RAM e 512 GB de armazenamento tem já um custo de 1.329 euros.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.