Apple tem nova app Android para saber se são seguidos pelas AirTags

Rui Bacelar
Comentar

Os AirTags da Apple foram criados para ajudar os utilizadores a localizar os seus bens mais importantes, seja o carro ou o animal de estimação. Por outro lado, estas capacidades de localização também podem ser usados para fins menos legítimos ou idóneos.

Com efeito, desde o momento da sua apresentação que a Apple deixou claro o exercício de prevenção do mau uso destes AirTags com funções disponíveis nos dispositivos iOS que permitem saber, por exemplo, através do iPhone, se alguém nos segue com recurso a este produto. Todavia, tal proteção não se estendia, até ao momento, aos utilizadores Android.

Tracker Detect é o nome da nova app da Apple para Android

Apple AirTag smartphone Android App
Funcionamento da aplicação Track Detect da Apple para Android.

Importa relembrar que os AirTags são um gadget exclusivo para o ecossistema da Apple. Desse modo, apenas pode ser controlado e plenamente usado com outros dispositivos da tecnológica de Cupertino. Ora, isto deixava os utilizadores potencialmente expostos.

O risco foi assim reconhecido pela Apple que comandou o desenvolvimento da aplicação Tracker Detect, gratuita e já disponível na Google Play Store, para tablets e smartphones Android. A aplicação foi primeiramente listada na Play Store a 11 de dezembro.

Agora está finalmente disponível para o grande público, exigindo um smartphone com o sistema operativo Android 9.0 ou superior para poder ser instalada. Trata-se de uma app relativamente pequena com 19 Mb de tamanho na sua versão 1.0.

Aplicação deteta e pode desativar os AirTags da Apple

Apple AirTag smartphone Android
Funcionamento da aplicação Track Detect da Apple para Android.

Perante a sensibilidade para com a privacidade dos utilizadores e potencial mau uso dos seus AirTags, a Apple garante que a aplicação Tracker Detect consegue detetar outros dispositivos que estejam a usar a rede "Find My", ou Encontrar para serem detetadas.

Assim, com a nova app bastará iniciar uma pesquisa para encontrar potenciais localizadores indesejados. Na eventualidade de ser detetada uma AirTag pelo dispositivo Android esta surgirá como desconhecida e não apresentará mais informações.

Em seguida, caso esta AirTag seja detetada por um período superior a 10 minutos serão apresentadas mais opções ao utilizador Android. Este poderá, por exemplo, ativar a reprodução de um som para ajudar a encontrar o dispositivo AirTag.

Aplicação vem proteger os utilizadores Android contra uso abusivo das AirTags

Mais ainda, ao aproximar um dispositivo Android com conexão NFC serão apresentadas mais instruções que permitirão desativar a AirTag em questão.

Em síntese, a partir de agora os utilizadores Android usufruirão de uma mesma, ou similar, proteção contra utilizações indevidas das capacidades dos AirTags. É, assim, uma ferramenta que merece espaço em qualquer dispositivo Android.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com as novidades de tecnologia na 4gnews. Email: ruifbacelar@gmail.com