Ao efetuar uma compra através dos links deste artigo, o 4gnews pode ganhar uma comissão. Conheça o nosso processo de seleção de produtos.

Xiaomi Smart Band 7 Pro review: smartband premium com GPS

Bruno Coelho

Nos últimos anos tive a oportunidade de utilizar - e por consequência testar - todas as pulseiras inteligentes da Xiaomi desde a Mi Band 2. E é bom ver o que a fabricante evoluiu no seu mais recente produto.

Uma boa forma de descrever a mais recente Xiaomi Smart Band 7 Pro é que é uma smartband que mais parece um smartwatch. Embora tenha nome, design e algumas das funcionalidades smartband, mostra que é um passo em frente para a Xiaomi nesta gama de produtos.

A grande questão que se coloca é: será que vale o 99,99 € que a Xiaomi pede por ela em Portugal? Tentarei responder a essa e outras questões nesta análise à primeira smartband da Xiaomi a chegar a Portugal com GPS incorporado.

Xiaomi Smart Band 7 Pro

Unboxing e primeiras impressões

O unboxing à Xiaomi Smart Band 7 Pro é bastante simples, como se quer. Na caixa do produto chega-nos a smartband com a bracelete, um cabo para carregamento magnético e o manual de instruções.

As primeiras impressões é de que se trata de um produto com um aspeto bastante cuidado. Essa qualidade de construção nota-se no ecrã, na zona dos sensores que assenta no pulso e também nas braceletes que são substituíveis e parecem resistentes.

Xiaomi Smart Band 7 Pro

Um ecrã com mais informação

Este é o centro de operações da Xiaomi Smart Band 7 Pro. Ao contrário das anteriores pulseiras inteligentes da Xiaomi, opta-se neste modelo por um aspeto mais retangular (ao invés de oval), e parece-me uma aposta certeira.

É um painel AMOLED de 1,64 polegadas bastante nítido e intuitivo, que mesmo ao sol não deixa de nos presentear com toda a informação. Uma das suas grandes novidades é algo que há muito queria nestes produtos: brilho automático com um pico de 500 nits.

Desta forma temos o brilho necessário quando estamos na rua, e este desce automaticamente para não sermos ofuscados quando a consultamos de manhã. Junta-se a esta a possibilidade de ter o ecrã sempre ligado, que também temos na irmã mais nova.

Xiaomi Smart Band 7 Pro

Sem problemas de autonomia

Com uma bateria de 235 mAh, a Xiaomi promete uma autonomia até 12 dias. E diria que estes números serão facilmente alcançáveis (e até ultrapassáveis), se não usares algumas funcionalidades como o ecrã sempre ligado.

Com todas as funcionalidades ligadas, e a usar GPS casualmente, diria que temos facilmente autonomia para uma semana. Que me parece bastante atrativo para um produto com estas características.

De realçar que o carregamento da pulseira demora cerca de uma hora. Este é feito de forma magnética, com o carregador incluído. É bom referir que não podes usar nesta o mesmo carregador da Xiaomi Smart Band 7.

Xiaomi Smart Band 7 Pro

Conforto acima da média

O conforto é claramente um dos pontos fortes da Xiaomi Smart Band 7 Pro. O peso de apenas 20,4 g e a espessura de 11,4 mm, faz com que seja um produto bastante confortável de usar.

Não tenho dos pulsos mais grossos, como podes ver nas imagens, mas posso dizer-te que esta é uma smartband confortável para usar em qualquer situação. Seja a fazer desporto, num momento casual ou mesmo a dormir, onde sinceramente nem sinto que a tenho no pulso.

Xiaomi Smart Band 7 Pro

Interação com bastantes opções

A interação com a Xiaomi Smart Band 7 Pro é semelhante à experiência que tive com a Smart Band 7. A diferença é que temos um ecrã com maior largura, que permite ver mais informação, e isso verifica-se na navegação pelo menus.

Na navegação com ícones, conseguimos ter dois lado a lado, como podes ver nas imagens. O que vai fazer com que tenhas de dar menos toques no ecrã para chegar onde queres. No entanto, em alguns momentos, a fonte das letras poderia ter mais espessura para melhorar a visualização.

Xiaomi Smart Band 7 Pro

A watchface que prefiro dá-me informações básicas como a hora e data, mas também o nível de bateria, passos dados e calorias queimadas nesse dia, bem como a temperatura atual. Infelizmente esta não clicável (como na Smart Band 7), para ver diretamente mais informações sobre esses dados.

Um swipe para acima faz aparecer o referido menu de “aplicações” e um swipe para baixo mostra-te as últimas notificações. Num swipe para a direita, tens acesso às definições.

Aí é possível ativar facilmente a “lanterna”, que aprecio bastante. Tens também a possibilidade de criar alarmes, ativar o “não incomodar”, ativar o “levar o pulso para ligar”, encontrar o teu smartphone ou simplesmente aceder às definições completas.

Xiaomi Smart Band 7 Pro

Um swipe para a esquerda dá-te mais informações que podes personalizar. Pessoalmente, coloquei aí mais detalhes sobre a meteorologia, a possibilidade de controlar a música do smartphone e o calendário.

Esta dá também a possibilidade de responder a uma chamada que não pudeste atender com uma mensagem rápida, mas é algo apenas disponível em Android.

Essas e outras personalizações podem ser feitas através da app Mi Fitness. Esta encontra-se disponível na Google Play Store para Android 6.0 ou superior e na App Store para iOS 10.0 ou superior.

A possibilidade de dar comandos de voz é uma funcionalidade que está presente em Android e iOS. Mas por limitação geográfica, foi necessário alterar a localização da Mi Fitness para Espanha, para que esta possibilidade funcionasse.

Alexa

Muitas opções para desporto

Com mais de 110 modos desportivos, é difícil encontrar um desporto que possas querer medir e não encontres nesta Xiaomi Smart Band 7 Pro. 14 destes são treinos especializados.

O grande destaque, claro está, é para a inclusão dos serviços de localização na própria pulseira. Isso faz com que possas ir dar a tua corrida ou pedalada sem a necessidade de ter o smartphone por perto.

Xiaomi Smart Band 7 Pro

Na minha utilização, os serviços de localização funcionaram perfeitamente quando num local aberto. É bom por vezes saber que posso medir aquela pedalada e não tenho de levar o smartphone atrás.

Para quem dê valor a isso, é importante realçar que esta conta com treinos intervalados. Além disso, a certificação de 5ATM faz com que seja utilizável para natação.

Tem também um novo modo de competição, que basicamente permite que definas metas diárias e possas criar uma competição saudável com os teus amigos que também usem a Mi Fitness. De realçar também a possibilidade de sincronizar com o Strava.

Xiaomi Smart Band 7 Pro

Saúde é um dos destaques

Esta chega com a possibilidade de monitorizar os batimentos cardíacos e oxigénio no sangue de forma constante. Também é possível medires stress, fazer exercícios de respiração e monitorizar o teu sono. Para o público feminino, também é possível medir o ciclo menstrual.

Destes todos, aquele que dou mais valor é à possibilidade de medir a qualidade do meu sono. Além da distribuição do sono, este fornece dados de frequência cardíaca média e pontuação de respiração. Parece-me ser uma funcionalidade cada vez mais aprimorada.

Xiaomi Smart Band 7 Pro

Conclusão sobre a Xiaomi Smart Band 7 Pro

Esta é claramente uma smartband focada em oferecer um design mais premium face ao modelo base. Ganha e muito nesse aspeto, também pelo seu conforto e leveza.

Outros pontos que muito me agradaram foram o brilho automático, para nunca mais ter de acordar ofuscado pelo brilho da smartband, ou não ver suficientemente o ecrã no exterior. A possibilidade de ter o ecrã sempre ligado, também é algo de que já não abdico.

Para quem gosta de fazer desporto, o GPS incorporado é algo imprescindível. Poder deixar o smartphone para trás é uma realidade com a Xiaomi Smart Band 7 Pro e isso vai certamente convencer alguns utilizadores.

Há, no entanto, alguma margem para melhorar. Os widgets na watchface não são clicáveis, e um botão na lateral poderia ajudar a melhorar a interação com a pulseira.

Xiaomi Smart Band 7 Pro
A simplicidade do ecrã sempre ligado na Xiaomi Smart Band 7 Pro

Pelo menos nos meus testes (com iPhone) não consegui colocar a Alexa em Portugal a funcionar e essa opção nem sequer me apareceu na app. O que é uma pena.

Se os 99,99 € que a Xiaomi pela Smart Band 7 Pro em Portugal são justificáveis, vai depender do valor que dás às suas melhorias. Falo de um ecrã onde vemos mais informação, com brilho automático e ainda o facto de ter GPS incorporado.

É um produto que certamente leva o nosso selo de aprovação em termos de design, usabilidade e autonomia. No entanto, acho o preço um pouco elevado para o que oferece ao utilizador.

Pontos fortes da Xiaomi Smart Band 7 Pro

  • GPS incorporado
  • Design premium e confortável
  • Brilho automático
  • Possibilidade de ter ecrã sempre ligado
  • Braceletes trocáveis bastante resistentes
  • Dar respostas rápidas por mensagens após uma chamada (apenas Android)
  • Dar comandos de voz com a Alexa (mediante alteração de localização para Espanha, por exemplo)

Pontos fracos da Xiaomi Smart Band 7 Pro

  • Um botão na lateral seria uma adição importante
  • Comandos de voz da Alexa ainda não funcionam em Portugal
  • Preço elevado

A 4gnews atribui à Xiaomi Smart Band 7 Pro uma pontuação de 4 estrelas em 5 possíveis.

Xiaomi Smart Band 7 Pro
  • Ecrã AMOLED de 1,64 polegadas
  • Funcionalidade de ecrã sempre ligado
  • Brilho automático
  • Pesa apenas 20,4 g e tem 11,4 mm de espessura
  • Monitorização de frequência cardíaca, oxigénio no sangue, stress e sono
  • Suporta BeiDou, GPS, Glonass, Galileo e QZSS
  • Mais de 110 modos de desporto, 14 são especializados
  • Treinos intervalados
  • Ligação ao Strava
  • No recurso “Competição"
  • Autonomia até 12 dias
  • Resistência à água de 5ATM
  • Assistente de voz Alexa (não funciona em Portugal)

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Colabora com a 4gnews desde 2017, e faz parte da redação desde 2019. Come especificações ao pequeno-almoço. brunocoelho@4gnews.pt