Redes sociais fazem "limpeza" a centenas de contas falsas pró-Trump

António Guimarães
Comentar

De acordo com o The Verge, o Twitter, Facebook e Instagram fizeram uma limpeza massiva nas suas plataformas. No caso do Facebook foram removidas 610 contas, 89 páginas e 156 grupos que espalhavam conteúdo automático a favor do presidente dos Estados Unidos Donald Trump.

De acordo com o relatório emitido pela rede social, a maioria das contas originava do Vietnam, provavelmente de uma "click farm". Estas são linhas de produção humanas onde centenas de pessoas passam o dia a criar contas falsas para dar tráfego a certas páginas, uma prática ilegal mas comum nas redes sociais.

Já um porta-voz do Twitter revelou que a empresa removeu 700 contas com acusações de manipulação de conteúdo e spam. Finalmente, no Instagram, 72 contas foram eliminadas, por semelhantes razões.

Contas espalhavam conteúdo pró-Trump e anti-democrata

O teor do conteúdo espalhado pelas contas banidas explorava o espectro político dos Estados Unidos, alimentando controvérsias entre os partidos democratas e republicanos (do qual o Presidente Trump é parte). A política nos Estados Unidos está em alvoroço atualmente devido ao impeachment do controverso presidente.

Facebook "apontou o dedo" a alguns meios de comunicação

A plataforma de notícias The BL foi acusada de ligação às contas falsas. No seu relatório, o Facebook afirma que as contas falsas foram suportadas ou mesmo financiadas pelo Epoch Media Group, acrescentando ainda supostas ligações a comunidades anti-comunistas. O Epoch Media Group por sua vez negou quaisquer ligações ao site The BL.

Seja quem forem os responsáveis, a disseminação de contas falsas é sempre um problema grande nas redes sociais. Mesmo com as contas eliminadas, o conteúdo pode chegar a centenas ou milhares de pessoas, espalhando informações potencialmente falsas ou influenciando indivíduos a votar em certos partidos.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.