Pesquisa Google: já não serás mais enganado com imagens! Entende

Filipe Alves
Comentar

A Pesquisa Google está prestes a revelar uma nova funcionalidade que ajudará imenso a que os utilizadores entendam a veracidade da informação.

Tal como tem acontecido nas redes sociais, a Pesquisa Google começará a adicionar "fact check" às imagens que alegadamente mostram uma coisa mas são outra.

Pesquisa Google e o combate às notícias falsas com imagens

Pesquisa Google

De forma a combater as notícias falsas com imagens, a Pesquisa Google apresentará no mesmo lote de imagens "falsas" a imagem verdadeira. Isto para que os utilizadores entendam que existe uma alteração na imagem principal.

Passo a explicar. O exemplo que a Google nos dá é uma pesquisa feita com "tubarões a nadar nas estradas de Houston". Podemos ver que em determinadas imagens vemos, realmente, tubarões nas ruas.

Pesquisa Google

Contudo, logo abaixo na pesquisa podemos ver a imagem real com o "fact check". Este "fact check" refere ao utilizador a origem da imagem e a desmistificação de uma informação que se começava a tornar viral.

Relativamente à nova atualização, a Google referiu que "Fotos e vídeos são uma maneira incrível de ajudar as pessoas a entender o que está a acontecer no mundo. Mas o poder da media visual tem as suas armadilhas⁠ - especialmente quando há perguntas em torno da origem, autenticidade ou contexto de uma imagem.

Esses rótulos (fact check) podem aparecer tanto para artigos de verificação de fatos sobre imagens específicas quanto para artigos de verificação de fatos que incluem uma imagem na história".

Em suma, é bom ver quer a Google está ativamente à procura de uma solução para apaziguar as notícias falsas. São este tipo de notícias e informações falsas que tem mudado o mundo nos últimos anos e as grandes empresas (com grandes responsabilidades) começam a perceber que tem de fazer algo para combater este problema.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.