Nokia perde parceira importante no desenvolvimento das suas câmaras

Carlos Oliveira
Comentar

Desde 2005 que a Nokia e a Zeiss colaboravam para o desenvolvimento das câmaras para os smartphones da marca finlandesa. Falamos de uma das mais icónicas parcerias do mundo da tecnologia móvel e que nos ofereceu produtos muito interessantes.

Infelizmente, o acordo entre as duas empresas está oficialmente terminado. Em comunicado, a Nokia revela que a sua parceria com a Zeiss chegou ao fim com as empresas a seguirem caminhos distintos.

Nokia deixará de trabalhar com a Zeiss no desenvolvimento de câmaras

A HMD Global, a atual detentora dos direitos da marca Nokia, foi quem anunciou o fim desta icónica parceria. A partir de hoje, as duas empresas encerraram oficialmente os acordos celebrados para o desenvolvimento das câmaras dos dispositivos Nokia.

Nokia

Em rigor, o contrato que a HMD Global e a Zeiss celebraram em 2017 terminou no final de 2020. Só hoje é que a finlandesa decidiu oficializar o término desse entendimento, por razões que desconhecemos.

A mais lógica parece ser o corte nos custos de desenvolvimento dos smartphones da marca Nokia. É certo que a marca já não vive os tempos áureos de outrora, por isso, é natural que uma contenção de custos tenha de ser feita para a sobrevivência da empresa.

Importa relembrar que o entendimento celebrado entre a Nokia e a Zeiss não englobava apenas o desenvolvimento de óticas para os smartphones da finlandesa. O intuito era que a alemã interviesse também nos sensores e no algoritmo de processamento de imagem.

Desde o final de 2020 que a Zeiss aliou-se à Vivo precisamente para o desenvolvimento das câmaras dos smartphones da chinesa. Contudo, esse entendimento nunca colocou em causa a parceria com a Nokia, deixando apenas de ser um exclusivo.

Resta agora saber como será o futuro das câmaras dos smartphones da Nokia. Será que a finlandesa irá unir-se a outra marca especializada neste mercado para melhorar a qualidade das suas câmaras fotográficas?

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.