Huawei: próximo processador Kirin 1020 será o mais caro do mercado!

António Guimarães
Comentar

Juntamente com o Mate 40 Pro, a Huawei está a trabalhar no desenvolvimento do Kirin 1020, o seu próximo processador, fabricado pela HiSilicon. De acordo com um leaker na rede social chinesa Weibo, o custo de produção do Kirin 1020 será superior ao Apple A14.

O processador A14 será o próximo CPU mobile da Apple, que deverá equipar os próximos iPhone 12, iPhone 12 Pro e iPhone 12 Pro Max. Os chips da Apple tendem ser os mais dispendiosos, portanto a Huawei superou as expectativas neste componente.

O Huawei Kirin 1020 é um chip de 5nm que será apresentado em setembro. Este processador irá certamente equipar o vindouro Mate 40 Pro. Por norma, a Huawei tem o hábito de estrear os seus novos processadores na gama Mate, considerada a família de equipamentos mais poderosas da marca e com a melhor performance possível.

fgfx

Banimento dos Estados Unidos pode dificultar sucesso dos processadores

Os Estados Unidos não só baniram a Huawei de negociar com empresas americanas mas também estão a prejudicar o fornecimento de peças. Recentemente, o governo americano limitou a TSMC, uma das maiores fornecedoras de componentes para processadores da Huawei.

A situação ficou de tal forma que a Huawei começou a utilizar processadores da MediaTek, uma das suas concorrentes na China. Ainda assim, a linha Mate é demasiado importante para a marca, sendo que o Mate 40 Pro terá de inevitavelmente ser equipado com um processador Kirin, neste caso o Kirin 1020.

Editores 4gnews recomendam:

António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.