Google Pixel 7 Pro passa pela plataforma AnTuTu com resultados desapontantes

Carlos Oliveira
Comentar

Será já amanhã - 6 de outubro - que a Google irá realizar o seu tradicional evento de outono. Nesta ocasião ficaremos a conhecer vários produtos da tecnológica americana, com um grande destaque para o Google Pixel 7 Pro.

Em jeito de antecipação para esse momento, eis que surgem detalhes da passagem deste equipamento pela plataforma de benchmarks AnTuTu. Infelizmente para os fãs destes produtos, os resultados são medíocres.

Google Pixel 7 Pro regista apenas 800 mil pontos na AnTuTu

Os resultados foram partilhados por Gadgetfull BD e revelam uma pontuação de apenas 801.116 pontos na AnTuTu. Valores bastante aquém daquilo que se esperaria para o segmento de mercado onde se posicionará o Pixel 7 Pro.

Pixel 7 Pro AnTuTu

Para contextualizar a desilusão originada por este resultado, o Tensor G2 presente no interior do Pixel 7 Pro não consegue superar os valores registados pelo Snapdragon 888. Falamos de um SoC que chegou ao mercado no início de 2021.

O diferencial é ainda mais notório quando observamos os valores registados pelo líder da tabela da AnTuTu. Na primeira posição encontramos o ASUS ROG Phone 6D Ultimate com uma pontuação de 1.133.998 pontos.

Os valores registados pelo Google Pixel 7 Pro colocam-no na 30ª posição do atual ranking geral da AnTuTu. Um lugar desapontante para um equipamento topo de gama apresentado quase no final de 2022.

Mais uma vez, os processadores Tensor revelam uma séria dificuldade para concorrer diretamente com os mais poderosos do mercado. Tal como mencionado, o Snapdragon 8+ Gen 1 gera, nesta plataforma, pontuações superiores a 1 milhão de pontos.

Perante isto, nota-se que o Tensor G2 não será um exemplo a seguir no que concerne a desempenho bruto. Todavia, a Google poderá desenvolver várias otimizações de software que poderão oferecer vantagens exclusivas aos Pixel 7, nomeadamente no campo do processamento de imagem.

Ou seja, é importante aguardarmos pela oficialização dos Pixel 7 para perceber quais serão os trunfos do Tensor G2. É que pelos resultados agora divulgados na AnTuTu, não temos muito por que estar entusiasmados com este processador.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.