Facebook e Instagram já têm ferramentas para evitar violações às marcas

Rui Bacelar
Comentar

A Meta deu a conhecer nova ferramentas para as marcas com presença nas redes sociais Facebook e Instagram. São novos meios que permitirão encontrar possíveis violações de marcas, patentes e propriedade intelectual em ambas as plataformas sociais.

Essencialmente, temos agora novas ferramentas que automatizam o processo de remoções de publicações indevidas, com conteúdo surripiado das legítimas detentoras. Tudo para que as marcas e entidades tenham mais mecanismos de reação e controlo.

Proteção dos Direitos da Marca da Meta no Facebook e Instagram

Facebook Instagram

As novidades foram recentemente anunciadas pelo grupo Meta e vêm dotar as empresas de novos meios para assinalar conteúdo que possa estar a violar a sua propriedade intelectual. Temos aqui, desse modo, uma maior proteção para a propriedade intelectual e meios de reação para os seus legítimos detentores.

Este reforço surge poucas semanas após o encerramento dos Diretos com vendas online onde grassavam, sobretudo, vendas ilegais pelo material em questão ser maioritariamente contrafeito.

Com efeito, durante vários meses abundaram estas "feiras" no Facebook e em menor escala, também no Instagram.

Ferramentas de remoção (takedown) rápido para marcas no Facebook e Instagram

Facebook Instagram

Vemos assim o grupo Meta a reagir com bastante rapidez de modo a garantir um maior respeito pela propriedade intelectual e efetividade das denúncias efetuadas.

A propósito, uma das novas funcionalidades introduzidas visa a obtenção de resultados mais rápidos sempre que uma empresa assinalar algo ao Instagram e / ou Facebook.

Assim, por exemplo, marcas com histórico de fiabilidade e legitimidade poderão ter uma resolução mais rápida das denúncias, sempre que estiver em causa uma violação da sua propriedade intelectual.

Portanto, teremos os takedowns mais rápidos para que a pirataria e contrafação continua a ser erradicada de ambas as redes sociais.

Ferramentas adicionais para vigiar a presença online da marca

Facebook Instagram

“Visando proteger a integridade dos nossos sistemas e evitar o uso indevido desse recurso, auditamos regularmente as solicitações de remoção. Desse modo, podemos considerar fatores adicionais para determinar a sua elegibilidade”, aponta a Meta.

São ótimas novidades para todos os gestores de marca e profissionais de redes sociais. Recursos que permitem vigiar a presença online da marca e reagir, de modo rápido, sempre que tal for necessário.

Mais concretamente, a nova ferramenta vai apresentar, automaticamente, anúncios, listas de compras, e páginas no Facebook e Instagram para as marcas analisarem as violações. Para além disso, permitirá efetuar pesquisas com uma imagem.

Ferramentas de ação e reação a falsas sinalizações para empresas

Estas ferramentas surgem após várias pequenas empresas se terem queixado de perder rendimentos na plataforma perante a errónea sinalização dos seus produtos como estando em violação com as regras de propriedade intelectual (PI).

O resultado? Várias marcas viam os seus produtos a serem removidos sem hipótese de reação às suspensões automáticas aplicadas no Facebook e Instagram. Com as novas ferramentas, terão também um novo meio de recurso junto da rede social.

At this year’s @facebook Communities Summit, we announced new features to help people build community in Facebook Groups, including:✅Reels in Groups✅Updates to Admin Assist✅Testing Community ContributionsMore details: https://t.co/uejAoSiIZD pic.twitter.com/JzAN6rk1Iu

— Meta Newsroom (@MetaNewsroom) 20 de outubro de 2022

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com as novidades de tecnologia na 4gnews. Email: ruifbacelar@4gnews.pt