7 razões para comprar o smartphone Xiaomi Mi 11

Rui Bacelar

O Xiaomi Mi 11 é o mais recente smartphone topo de gama da gigante liderada por Lei Jun. Surpreende pela relação preço / qualidade e está a caminho da Europa e de Portugal, portanto, vê as melhores razões para comprar este smartphone Xiaomi.

A quem procura o melhor processador para telemóveis do momento, um grande ecrã com ótima qualidade, ou algumas das melhores câmaras fotográficas aplicadas a smartphones, estes são apenas alguns dos destaques do novo smartphone Xiaomi.

1. Snapdragon 888, o melhor processador da Qualcomm

Qualcomm Snapdragon 888

O Xiaomi Mi 11 é o primeiro smartphone a utilizar o processador Snapdragon 888 da Qualcomm. Este é o melhor "motor" que podemos ter um smartphone Android em 2021 e marcará presença nos principais topos de gama da concorrência.

Portanto, para quem procura o telemóvel com o melhor desempenho, o Snapdragon 888 é um garante da sua prestação. Ao comprar um dispositivo móvel com este SoC, ou chip, o consumidor pode ficar descansado, pois, terá um telefone rápido e capaz.

A "magia" do Snapdragon 888 repousa na litografia, a arquitetura a 5 nm, sendo o processador composto por oito núcleos. Há um núcleo a 2,84 GHz Cortex AX1 para as tarefas pesadas, três núcleos intermédios e quatro núcleos para as tarefas ligeiras.

Ao usar o Snapdragon 888 da Qualcomm, a Xiaomi garantiu que o seu Mi 11 seria um dos melhores smartphones em 2021.

2. Ecrã Quad-HD+ AMOLED a 120 Hz

Xiaomi Mi 11

O ecrã do Xiaomi Mi 11 tem 6,81 polegadas de diagonal, usa um painel AMOLED curvo nos quatro cantos e te uma resolução máxima de 1440 x 3200 pixeis, o padrão Quad-HD+. Tem o formato 20:9, além da grande densidade de 515 pixeis por polegadas.

Destaca-se ainda pela alta taxa de atualização dos conteúdos apresentados no ecrã - 120 Hz - bem como a alta taxa de registo do toque a 480 Hz para reduzir o atraso entre o toque e o registo do mesmo. A isto junta-se a proteção Gorilla Glass Victus.

Xiaomi Mi 11

O ecrã do Xiaomi Mi 11 cumpre ainda com os padrões HDR10+, para maior intervalo dinâmico das cores e conteúdos apresentados, bem como a representação de cores a 10-bits face ao tradicional padrão de apresentação a 8-bits, tendo assim mais fidelidade.

É um grande ecrã protegido pelo mais robusto vidro da Gorilla Glass e um dos paineis mais brilhantes da indústria, atingindo os 1500 nits que facilitará bastante a leitura e visibilidade ao ar livre. Mais ainda, durante a apresentação, Lei Jun partilhou a avaliação extremamente positiva pela entidade DisplayMate, referência no setor, ao ecrã do novo Xiaomi Mi 11.

Apontamos ainda que a taxa de atualização do ecrã varia conforme o conteúdo apresentado, entre 30, 60, 90 e 120 Hz para maior eficiência energética. Note-se também que os cantos do ecrã são arredondados, com o vidro a revestir toda a área.

3. Carregamento rápido com ou sem-fios

Xiaomi Mi 11 carga

O smartphone Xiaomi Mi 11 é alimentado por uma bateria com 4 600 mAh de capacidade. A autonomia dependerá do padrão de uso, mas quando chegar a hora de a recarregar temos duas opções, ambas rápidas. Com cabo até 55 W, ou sem cabo até 50 W.

Com efeito, o novo Mi 11 pode carregar totalmente a bateria 0-100% em 45 minutos ao utilizar o novo carregador a 55 W GaN, ou um carregador compatível, carregando segundo o padrão de potência a 55 W, um dos mais rápidos do mercado.

Por outro lado, o telefone Xiaomi pode ser carregado de forma rápida através do carregamento wireless a 50 W. Note-se que este é um dos padrões de carga sem-fios mais rápidos do mercado e, para dele tirar proveito, é necessário um carregador compatível.

Xiaomi Mi 11 carregador

Durante a apresentação do novo smartphone Xiaomi a fabricante apresentou também dois novos carregadores, um deles sendo o carregador rápido sem-fios a 50 W. Este novo acessório é capaz de carregar totalmente (0-100%) o Mi 11 em 53 minutos.

O carregador rápido sem-fios será colocado à venda durante o primeiro trimestre de 2021, para que possam tirar o máximo proveito do novo telefone da marca. Além disso, podem usar a bateria do Mi 11 para carregar outros acessórios através do carregamento sem-fios reverso a 10 W. Algo útil para, por exemplo, carregar um smartwatch compatível, ou earbuds Bluetooth.

Importa ainda perceber a estratégia da Xiaomi ao vender o Mi 11 com, ou sem carregador. Podem saber mais sobre a estratégia da marca na nossa cobertura prévia, com todas as opções de compra.

4. Câmara fotográfica tripla com destaque para a Macro

Xiaomi Mi 11

O smartphone Xiaomi Mi 11 está equipado com uma câmara traseira tripla com um sensor de 108 MP, 13 MP e 5 MP. O primeiro está acompanhado de uma lente grande angular, tem OIS e uma abertura máxima de f/1,8, com objetiva de 7 elementos óticos.

O segundo - 13 MP - tem uma objetiva ultra-grande angular para permitir a captação de grandes paisagens, panoramas e fotos de grupo virtualmente sem distorção. Tem um campo de visão e 124 graus e uma abertura máxima de f/2,4.

O terceiro sensor - 5 MP - é especializado na fotografia macro. Tem uma abertura máxima de f/2,4, lente telefoto, com distância focal equivalente de 50 mm. É a câmara especializada em trazer os pormenores e detalhes à vida.

Xiaomi Mi 11

A câmara macro é a grande novidade do novo smartphone Xiaomi Mi 11, permitindo captar uma nova dimensão da natureza, com detalhes não visíveis a olho nu. Ainda assim, contamos com a objetiva periscópica no próximo Mi 11 Pro, com zoom ótico.

O Xiaomi Mi 11 tem ainda uma câmara frontal de 20 MP para as selfies, com abertura de f/2,4, equipada com lente grande angular, ideal para as fotografias de grupo. A câmara está alojada no topo do ecrã, perfurando o painel AMOLED.

Vale ainda frisar que o smartphone Xiaomi é capaz de gravar vídeo na resolução 8K, além de cumprir com o padrão HDR10+.

5. Altifalantes estéreo com a perícia da Harman Kardon

Xiaomi Mi 11 Harman Kardon

O Xiaomi Mi 11 vem equipado com altifalantes estéreo "afinados" pela Harman Kardon, uma das marcas de referência no setor. Este ponto foi amplamente divulgado por Lei Jun ao apresentar o novo smartphone Xiaomi e melhorará a experiência de utilização.

Sobretudo ao consumir conteúdos, o novo smartphone proporcionará uma atmosfera, um palco sonoro mais envolvente e realista. Algo que será notório ao ouvir música, ver filmes ou vídeos no YouTube e também durante os jogos.

Mais ainda, o Xiaomi Mi 11 permitirá partilhar a transmissão de música via Bluetooth 5.1 para duas pessoas em simultâneo. A fabricante afirma que assim poderemos partilhar a experiência de som superior com quem mais gostamos.

6. O Xiaomi Mi 11 traz a MIUI 12.5

Xiaomi Mi 11

A MIUI 12.5 é uma grande evolução face à MIUI 12. Aliás, só não se chama MIUI 13 devido à superstição associada ao número 13, mas está repleta de novidades. Além de ser mais eficiente na gestão energética, é substancialmente mais veloz na navegação.

O Xiaomi Mi 11 é o primeiro smartphone da marca a empregar esta versão da interface baseada no sistema operativo Android 11 da Google. A mesma é capaz de usar menos memória e armazenamento do dispositivo ao lidar com as aplicações, além de consumir menos energia. É também uma versão mais estável, com grande atenção dada ao som e imagem em toda a interface.

Destacamos também a MIUI+, plataforma que une e facilita a sincronização entre o smartphone Xiaomi e os computadores Windows, facilitando o trabalho e produtividade. Há ainda um grande reforço da segurança e privacidade do utilizador com a MIIUI 12.5.

Há, pelo menos, cinco grandes novidades da MIUI 12.5 que podem descobrir, com o Mi 11 a ser o primeiro smartphone a usar esta versão. Esta mesma versão chegará, eventualmente, a vários outros smartphones Xiaomi de forma gradual e faseada.

7. O Xiaomi Mi 11 chega em vidro e couro Vegan

Xiaomi Mi 11

O mais recente smartphone topo de gama está disponível em duas edições. A primeira, em vidro fosco para minimizar a presença de impressões digitais e sujidade que se acumula com o natural uso do dispositivo móvel. O toque será mais frio, com uma ligeira textura.

Em vidro o Xiaomi Mi 11 está disponível em três esquemas de cor, do branco, azul claro e preto.

Para quem preferir um acabamento mais sofisticado, também será possível escolher a versão com acabamento em couro vegan. Nesta modalidade há dois tons de cor, o caramelo / camel, além do leve tom de púrpura com toques de rosa.

Especificações técnicas do Xiaomi Mi 11

Xiaomi Mi 11 cores

  • Ecrã AMOLED com resolução 2K e 6,81" polegadas
  • Taxa de atualização de 120Hz e taxa de resposta ao toque de 480 Hz
  • Brilho de até 1500 nits e suporte para conteúdo HDR10+
  • Proteção Gorilla Glass Victus
  • Processador Snapdragon 888 da Qualcomm a 5 nm
  • Até 12 GB de memória RAM
  • Até 256 GB de armazenamento interno
  • Tripla câmara traseira: 108MP + 13 (ultrawide) + 5MP (macro)
  • Câmara frontal de 20 megapíxeis
  • Bateria de 4,600mAh com suporte para carregamento rápido de 55 W (com fios), 50 W (sem fios e 10 W (inverso)
  • Altifalantes estéreo desenvolvidos em parceria com a Harman Kardon
  • Leitor de impressões digitais ótico embutido no ecrã
  • Sistema operativo Android 11, Interface MIUI 12.5\
  • Conexão NFC, Wi-Fi 6, porta IR (infravermelhos)
  • Dimensões: 164,3 x 74,6 x 8,06 mm (versão em vidro) - Peso: 196 gramas
  • Dimensões: 164,3 x 74,6 x 8,56 mm (versão em couro vegan) - Peso: 194 gramas

Antes de ires, os melhores smartwatch da Xiaomi, com um produto para cada tipo de consumidor. Além disso, descobre o ecossistema de marcas que compõem o portefólio da empresa de Lei Jun, terás algumas surpresas.

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.