Apple aproxima-se novamente do segundo lugar mundial, graças à controvérsia da Huawei

António Guimarães
Comentar

A Huawei é a segunda maior fabricante de telemóveis a nível mundial desde o segundo trimestre de 2018, com a Samsung em primeiro e a Apple em terceiro. No entanto, isso poderá mudar até ao final do ano de acordo com a Digitimes e analistas da indústria dos telemóveis.

Todos os atritos que a Huawei tem tido com a Google e outras empresas americanas podem resultar numa regressão ao terceiro lugar no ranking mundial. Tudo isto começou em agosto, com o banimento total dos Estados Unidos, proibindo a Huawei de comprar tecnologia a empresas do país, incluindo a Google e o Android.

iphone 11

iPhone 11 pode ser o trunfo da Apple para 2019

De acordo com a empresa de pesquisa IDC, a Apple está a uma distância de cerca de 25 milhões de unidades da Huawei, isto em junho de 2019. Contudo, a crescente popularidade do iPhone 11 pode ajudar a empresa da maçã a cobrir essa distância.

O desempenho em vendas do iPhone 11 aponta para um aumento de vendas considerável em relação a 2018. Tanto que a Apple teve que aumentar a sua produção em 10% resultando em mais 8 milhões de unidades pedidas aos fornecedores.

A Apple está a ter alguma dificuldade em responder à procura pelos novos iPhones no geral. Nos Estados Unidos, os consumidores terão de esperar mais tempo para ter os novos equipamentos em mão, em relação à linha do ano passado. O mesmo está acontecer em Portugal onde vários retalhistas não conseguem responder à procura.

Mate 30/30 Pro ainda é uma incógnita fora da China

A Huawei revelou recentemente que desde o seu lançamento já foram vendidas mais de 1 milhão de unidades da série Mate 30. Assim sendo, não há dúvidas que domesticamente, a série Mate 30 está a ter um grande sucesso. No entanto, o desempenho dos telemóveis nos mercados internacionais ainda é desconhecido.

A Malásia e a Romenia receberam também a série Mate 30. Resta ainda saber quando é que os equipamentos chegarão de uma vez por todas à Europa e ao nosso Portugal. Só aí será possível perceber se a Huawei tem hipótese de manter o seu lugar privilegiado no ranking mundial ou não.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.