Ao efetuar uma compra através dos links deste artigo, o 4gnews pode ganhar uma comissão. Conheça o nosso processo de seleção de produtos.

Android 13 é oficial! Eis as novidades do sistema operativo da Google

Rui Bacelar
Comentar

A gigante norte-americana Google anunciou oficialmente o Android 13 na sua versão final e estável. Foi uma surpresa (mesmo após as várias compilações de testes), pela antecipação face ao lançamento da versão prévia, o Android 12 que chegou em outubro de 2021.

Temos agora o Android 13 oficial com os smartphones Google Pixel (elegíveis) a receber já a atualização de software. Em simultâneo, a gigante das pesquisas também fez saber que fabricantes como a Samsung, Asus, HMD Global, iQOO, Motorola, OnePlus, OPPO, Realme, Sharp, Sony, Tecno, vivo e Xiaomi já têm acesso à versão estável, oficial.

Google anuncia oficialmente o novo sistema operativo Android 13

An update so good, we officially made 13 a lucky number again. Get the most out of your device with #Android13. https://t.co/4shyAMBCOk

— Android (@Android) 15 de agosto de 2022

Em primeiro lugar importa sublinhar que a atualização de sistema Android 13 chegará aos smartphones das mais diversas fabricantes ao longo deste e do próximo ano. Isto é, a Google disponibilizou a versão final, estável, do Android 13. Agora, contudo, cabe a cada uma das fabricantes (OEM's) preparar este software para as respetivas interfaces do utilizador (UI's) e distribuir as mesmas.

Vejamos agora o que efetivamente muda e o que há de realmente novo nesta nova iteração do Android. Temos, sobretudo, uma política de continuidade, melhoria e aperfeiçoamento de vários aspetos do Android 12. Tome-se, por exemplo, a continuidade do design Material You que continuará a pautar o Android 13, portanto, visualmente não encontrarão diferenças de maior.

Material You continua a pautar o visual do Android 13

Android 12 Google
Material You continua a definir o design e o visual do Android 13 no seu estado puro (stock).

A linguagem de design permanece idêntica com o Material You a amadurecer e ganhar novos recursos para o gerador de temas. Com efeito, o Theme Engine suporta agora ícones de aplicações de terceiros aos quais aplicará o "look" do Material You.

Em simultâneo, também o leitor multimédia integrado no Android 13, o reprodutor de música, mudará de aspeto consoante o tipo de música e / ou podcasts que estiverem a ouvir. São mudanças subtis que os utilizadores descobrirão de forma gradual.

Android 13 Google
Aspeto geral do Android 13 com alterações no leitor de música. Crédito: Google.

Em seguida temos a possibilidade de atribuir diferentes idiomas a diferentes aplicações - independentemente do idioma definido para o smartphone. Isto é, mesmo que tenhamos definido / configurado o telemóvel para Português (PT), podemos definir a app de mensagens para PT (BR). De igual modo, podemos configurar o YouTube para Inglês, meramente a título de exemplo.

Podemos definir um idioma para cada aplicação com o Android 13

Want Maps in Spanish and Messages in Mandarin? With Android 13, you can customize app languages, making your 📱 Mr. Worldwide. #dale (Not affiliated with THE Mr. Worldwide).

— Android (@Android) 15 de agosto de 2022

Temos assim uma maior versatilidade ao poder definir um idioma distinto para várias aplicações. Note-se que de momento não sabemos se esta possibilidade se aplicará a todas as apps, ou apenas a algumas aplicações de sistema e apps Google.

Esta flexibilidade linguística tem o potencial de ajudar os utilizadores que procurem aprender um novo idioma, queiram tirar partido das variante linguísticas, ou por mera curiosidade.

Android 13 Google
A possibilidade de definir um idioma distinto da predefinição do sistema para cada app.

Por outro lado, o Modo Noturno também ganha mais recursos e possibilidade de personalização. De acordo com a Google, temos ainda o modo "Bedtime" com menos distrações, mais possibilidades de configuração e menos impacto visual.

Aplicações acederão apenas a áreas específicas do armazenamento interno

Android 13 Google
Notificações só de aplicações a que dermos autorização expressa no Android 13.

As aplicações terão que nos pedir autorização expressa para apresentar notificações. A medida visa diminuir o ruído visual, sonoro e vibratório que tem aumentado significativamente nos últimos anos. Assim, em vez de por predefinição todas as aplicações instaladas nos apresentarem notificações, só aquelas a que dermos expressa autorização é que o poderão fazer.

Para além disso, as aplicações no Android 13 não terão acesso imediato à total extensão do armazenamento interno do utilizador. Por exemplo, ao copiar algum conteúdo para o partilhar em seguida, colando, a app só terá acesso à Área de Transferência (clipboard) durante um determinado período e só a determinados dados do utilizador.

Tal visa reforçar a privacidade do utilizador e a segurança dos respetivos dados. Portanto, se copiarmos, por exemplo, dados sensíveis como informações bancárias (dados de cartões de crédito) para usar num determinado formulário, essas informações copiadas terão prazo de caducidade.

Áudio Espacial chega ao Android 13, bem como o vídeo em HDR

Android 13 has officially launched with features that work across your devices, to make for a more seamless experience. See all that Android 13 has to offer. 🎉 pic.twitter.com/1R6ZRFQ8Um

— Android (@Android) 15 de agosto de 2022

Além de estar mais produtivo e preparado para grandes ecrãs como tablets e dobráveis, o Android 13 está mais útil para trabalhar. Há agora recursos de transição de conteúdos de modo automático ou simplificado que agradarão aos power users.

Temos assim uma nova barra de tarefas com acesso rápido às aplicações, mais recursos para a utilização de canetas / stylus e a transferência entre diferentes dispositivos.

Há, para além disso, o suporte nativo para o Áudio Espacial que a Apple popularizou nos últimos anos. Assim, através dos dispositivos Android e nos phones que o suportem, poderemos ter uma experiência auditiva mais envolvente e realista.

Importa ainda notar o suporte para o Bluetooth LE Audio (Low Energy), com mais recursos para periféricos e acessórios como os earphones e headphones Bluetooth.

Podemos também referir o suporte nativo para vídeo em HDR para aplicações de terceiro. Isto é, a possibilidade de apps de terceiro para a câmara fotográfica poderem captar vídeo em HDR com o Android 13. Há ainda mais novidades avulsas a descobrir na publicação oficial no The Keyword.

Agora, resta aguardar e esperar que gradualmente as principais fabricantes nos façam chegar o Android 13.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com as novidades de tecnologia na 4gnews. Email: ruifbacelar@gmail.com