Xiaomi Mi 11 Lite vai estrear o novo processador Snapdragon 780G

Carlos Oliveira
Comentar

O Xiaomi Mi 11 Lite será a mais recente aposta da marca no segmento de gama média. A sua apresentação acontecerá a 29 de março e sabe-se agora que a sua versão 5G contará com o mais recente processador da gama 700 da Qualcomm.

Tal como aponta hoje a publicação WinFuture, o Xiaomi Mi 11 Lite será o primeiro smartphone a chegar ao mercado com o novíssimo Snapdragon 780G. Um processador de gama média, apresentado hoje pela Qualcomm, e que oferece características impressionantes.

Xiaomi Mi 11 Lite

Estão assim reunidas as condições para que o Xiaomi Mi 11 Lite se afirme como um dos intermediários mais apetecíveis neste início de ano. Tudo porque este novo processador oferece características muito próximas daquilo que vemos num topo de gama.

Note-se, por exemplo, o seu processo de fabrico de 5nm, o mesmo que é utilizado no Snapdragon 888. Temos ainda oito núcleos de processamento, conectividade 5G ou o suporte para três diferentes tipos de câmaras em simultâneo.

Importa ainda notar que o Xiaomi Mi 11 Lite estará igualmente disponível numa versão com conectividade 4G. Essa, ao que tudo indica, será suportada pelo processador Snapdragon 732G.

Especificações do Xiaomi Mi 11 Lite

  • Ecrã AMOLED de 6,55" polegadas Full-HD+
  • Taxa de atualização de 90Hz
  • Processador Qualcomm Snapdragon 732G (versão 4G) ou Snapdragon 780G (versão 5G)
  • 6GB ou 8GB de RAM
  • 128GB de memória interna
  • Câmara traseira: 64MP principal + 8MP grande angular + 5MP macro
  • Câmara frontal de 20MP
  • Bateria de 4250mAh
  • Carregamento rápido de 33W
  • Android 11 com a MIUI 12

Resta apenas informar que o Xiaomi Mi 11 Lite deverá começar nos €279 na sua versão 4G. Todavia, este equipamento já foi avistado numa loja nacional da especialidade com um preço fixado nos €329,99, sem discriminar qual das variantes.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.