Tesla Model S Plaid arrasa recorde oficial do Porsche Taycan em Nürburgring (vídeo)

Bruno Coelho
Comentar

Já se sabia que o Tesla Model S Plaid era um dos veículos elétricos de grande produção mais rápidos de sempre. Mas agora temos a confirmação oficial de que bateu o tempo do seu grande rival Porsche Taycan, na icónica pista de Nürburgring.

O vídeo a provar a façanha foi partilhado no canal de YouTube da Tesla e não deixa margem para dúvidas. O Model S Plaid alcançou nesta pista um tempo de 7 minutos e 30,909 segundos.

Tesla Model S Plaid bate recorde do Porsche Taycan por 12 segundos de diferença

A grande novidade aqui é, como já referimos, que o Tesla Model S Plaid bate o seu grande rival Porsche Taycan. É bom recordar que este alcançara um tempo de 7 minutos e 42,3 segundos neste traçado em 2019. Sendo assim batido em 12 segundos.

É importante referir que o também elétrico NIO EP9 alcançou um tempo impressionante de 6 minutos e 45,90 segundos nesta pista. No entanto, esse modelo entrada na categoria de superdesportivo, sendo produzido em unidades limitadas.

O feito em questão foi também assinalado por Elon Musk, CEO da Tesla, no Twitter. “O Tesla Model S Plaid acaba de estabelecer o recorde mundial de velocidade oficial para um carro elétrico de produção em Nürburgring. Completamente inalterado, diretamente da fábrica”, escreveu o executivo.

Tesla Model S Plaid just set official world speed record for a production electric car at Nurburgring. Completely unmodified, directly from factory. pic.twitter.com/AaiFtfW5Ht

— Name (@elonmusk) 9 de setembro de 2021

O executivo adianta ainda que o próximo passo é colocar em pista um Tesla modificado. “De seguida, será o Plaid modificado com a adição de superfícies aerodinâmicas, travões de carbono e pneus de pista”, esclareceu no Twitter.

Recorde-se que o Tesla Model S Plaid enverga três motores elétricos, com potência de 750 kW equivalente a 1020 cv. Esta berlina da Tesla pesa uns respeitosos 2200 quilos.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.