LG G7 irá suceder ao LG G6
LG G7 irá suceder ao LG G6

Num momento em que o novo LG G6 ainda nem sequer chegou às lojas portuguesas, eis que surge uma primeira informação relativa ao seu sucessor LG G7. Segundo fontes ligadas ao ramo, a Qualcomm estará já em conversações com a LG para que o seu novo processador Snapdragon 845 seja utilizado no futuro LG G7.

Como todos sabemos, o LG G6 foi lançado com um processador apresentado em 2016: o Snapdragon 821. Esta escolha deveu-se ao facto de a Qualcomm e a Samsung terem um certo contrato de exclusividade para o novo Snapdragon 835. Deste modo, ou a LG optava pelo SoC apresentado em finais de 2016 ou então teria de apresentar o seu LG G6 depois da MWC deste ano.

Vê também: Samsung Galaxy S8 e Galaxy S8+ atingem novos recordes de vendas

   

Embora ainda sejam poucos os smartphones com um Snapdragon 835 no mercado, começa-se já a falar do seu sucessor. Anteriormente surgiram já informações de que a Qualcomm e a Samsung estariam novamente em conversações para o desenvolvimento do Snapdragon 845.

LG G7 deverá voltar a utilizar o processador topo de gama existente no mercado

Pois se, como eu, pensas-te que poderia haver novamente um contrato de exclusividade entre estas duas empresas, as notícias de hoje deitam um pouco por terra essa crença. Também a LG está em conversações com a Qualcomm para que o seu novo topo de gama LG G7 possa vir a utilizar o futuro processador da empresa americana.

Ora, esta escolha parece ser um tanto quanto óbvia. Segundo o que foi avançado pelo The Investor, o futuro flagship da LG irá requerer um processador com potência suficiente para poder lidar com as tecnologias de Realidade Virtual e Realidade Aumentada.

O que esperar do futuro Snapdragon 835

O novo processador da Qualcomm irá ser desenvolvido num novo processo de 7nm. Esta escolha deve-se à necessidade de serem incluídos nele mais transístores, sem aumentar a dimensão física do SoC em si. Isto tudo para que os smartphones se possam manter igualmente elegantes, mas mais poderosos.

Claro que este processo de desenvolvimento também se irá repercutir no desempenho final do Snapdragon 845. Embora seja ainda muito cedo para conclusões definitivas, crê-se que este novo processador possa ter um aumento de desempenho na ordem dos 25% a 35%, face ao atual Snapdragon 835.

Não sendo esta a primeira vez que se fala no novo Snapdragon 845, isto poderá indicar que não esteja nos planos da sua construtora o lançamento de um substituto ainda este ano. Ou seja, a manobra utilizada com a apresentação do Snapdragon 821 poderá não se repetir em 2017 e isso é algo muito bom para aqueles que comprem, agora, um equipamento com um Snapdragon 835.

Quanto à apresentação do novo Snapdragon 845, isso só deverá acontecer apenas no inicio de 2018. Esta tem sido a calendarização normalmente utilizada pela Qualcomm e virá muito a tempo de equipar smartphones como o Galaxy S9 e o LG G7.

Outros assuntos relevantes:

Samsung Galaxy Note 7R é real e chegará em breve

Microsoft: o porquê do Surface Pro passar de tablet a portátil

Aproveita 23€ de desconto no Koogeek para medir a pressão arterial

Viagsmarena
Fontethe investor
O gosto por tecnologia foi algo que esteve sempre dentro de mim. Com o crescer do mercado dos smartphones, também o meu entusiasmo com os mesmos aumentou. Já nos tempos livres, as séries são o meu principal mata-tempo.