Signal: a alternativa ao WhatsApp recomendada por Snowden

Rui Bacelar
Comentar

A Signal é a melhor alternativa ao WhatsApp para quem procura uma plataforma que efetivamente respeite a privacidade do utilizador, sem que este venha a temer pelos seus dados e informações. É a plataforma escolhida por Edward Snowden, famoso whistleblower.

Tendo "rebentado" recentemente em popularidade, a plataforma de comunicações é gerida por uma organização independente, não dedicada à prossecução do lucro, sustentando-se num "fundo de maneio" com mais de 50 milhões de dólares.

A preferência de Edward Snowden recai na Signal

Nas palavras do controverso hacker e whistleblower norte-americano, a Telegram é tida como consideravelmente menos segura que a Signal, de acordo com a comunidade Infosec, dedicada à promoção e divulgação de práticas de segurança online.

Snowden defende ainda a natureza da Signal como entidade menos sujeita às pressões de grande empresas ou investidores. Ao passo que a Telegram é uma empresa privada, tal como WhatsApp e tantas outras, a Signal é gerida por uma entidade independente que não trabalha no sentido de obter o lucro. Opera sobretudo com base em fundos doados por diversas entidades.

Segundo a própria Signal, na sua plataforma a privacidade não é opcional, mas sim parte integrante do seu meio de operação, algo que se estende a todos os utilizadores. Em cada mensagem, em cada chamada, sempre.

Podes instalar a Signal através da Play Store ou App Store

A par da Telegram, a Signal é uma das principais alternativas ao WhatsApp.

A aplicação está está disponível para iOS, pela App Store, com instalação gratuita em ambos os casos, tal como o uso de todas as funções da plataforma.

As avaliações dos utilizadores são de 4,5 estrelas na Google Play Store e 4,7 na App Store, atestando a confiança nos seus serviços gratuitos. Vale ainda referir que o serviço de comunicações também tem uma plataforma Web, para computadores.

Aliás, a Signal é uma ferramenta de código aberto que pode ser encontrada no GitHub, tanto para Android como para iOS e a versão Web, algo que também contribuiu para a transparência do serviço.

Mantém a Signal atualizada no teu Android

Válido para qualquer aplicação Android, mas para nos mantermos fieis ao escopo do artigo usaremos a Signal como exemplo. Assim, para manter a aplicação sempre atualizada, com novas funções que possam chegar e reforços de segurança segue estes passos:

  • Abre a Google Play Store no teu dispositivo Android
  • Seleciona (toca) no menu das Opções
  • Localiza e seleciona o menu Definições
  • Escolhe o menu "Atualizar apps automaticamente"
  • Escolhe a opção mais conveniente - através da rede Wi-Fi, ou através de qualquer rede
  • Pressiona o botão "Concluído" e podes sair da Play Store

Deste modo o utilizador terá sempre a mais recente versão da aplicação, sem ter a necessidade de verificar manualmente a chegada de novos update. De qualquer modo, também o poderá fazer - consulta manual - a partir do website oficial, a qualquer momento.

A empresa afirma que a sua conceção não permite recolher, nem armazenar nenhuma informação sensível do utilizador. A encriptação de ponta a ponta é outro dos bastiões destacados nos Termos de Utilização e Política de Privacidade.

Editores 4gnews recomendam:

  • WhatsApp sem ultimato do Facebook? Agradeçam à União Europeia
  • WhatsApp: como apagar a memória e libertar espaço no smartphone
  • WhatsApp: É oficial, a empresa do Facebook adia alterações aos Termos de Serviço
Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. Ocupa-se com as novidades de tecnologia na 4gnews. Email: ruifbacelar@gmail.com