Portugal é o país da Europa que mais sente insegurança na Internet

Bruno Coelho
1 comentário

Segundo um relatório da Intrum, especialista na indústria de serviços de gestão de crédito, Portugal é o país europeu mais preocupado com o facto de os seus dados poderem cair nas mãos erradas na hora de fazer compras online.

Os jovens entre os 18 e os 21 anos são quem menos se preocupam com os dados pessoais, tendo sido recolhidos dados de 24.398 consumidores em 24 países europeus. Só em Portugal foram feitas 1000 entrevistas.

76% dos inquiridos têm medo que os seus dados caiam nas mãos erradas

No caso português, 76% dos inquiridos revelaram ter medo que os seus dados pessoas caiam nas mãos erradas. Este é um número bastante superior à média europeia que se cifra nos 50%. Em sentido inverso está a República Checa, já que apenas 35% dos inquiridos deste país se sentem inseguros na Internet.

Apesar das desconfianças, 85% dos portugueses inquiridos diz nunca ter sido vítima de fraude com cartão de crédito no último ano. Entre os 18 e os 21 anos, apenas 68% dos inquiridos revelam preocupações neste sentido.

Mulheres revelam-se mais preocupadas que os homens

A tendência em Portugal e na Europa é semelhante: as mulheres revelam maior preocupação com este tema. Em Portugal, 79% das mulheres preocupam-se, contra 73% dos homens.

Este relatório surge em celebração do Dia da Internet Segura, que será na terça-feira. Esta é uma iniciativa que decorre anualmente, com o objetivo de promover o uso ético, seguro e responsável da Internet.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.