OnePlus 10: CEO confirma característica principal do smartphone

Bruno Coelho
Comentar

Agora mais próxima da Oppo, a OnePlus não deixará de lançar os seus smartphones topo de gama em 2022. Estes deverão ser bastante celebrados, já que se tratam da linha OnePlus 10.

Como seria de esperar, estes serão equipados com os melhores componentes que a indústria mobile pode oferecer. E o CEO Pete Lau (Lio Zuohu) veio a público confirmar a característica principal.

OnePlus 10 serão equipados com o Snapdragon 8 Gen 1

Sem se referir diretamente ao nome oficial dos OnePlus 10, o executivo da fabricante chinesa usou a rede social Weibo para afirmar que “os produtos de próxima geração da OnePlus serão os primeiros com o Snapdragon 8 Gen 1”.

Confirmação do Snapdragon 8 Gen 1 nos OnePlus 10
Confirmação do Snapdragon 8 Gen 1 nos OnePlus 10

“Os nossos recursos de desenvolvimento de software e hardware estão focados na otimização do novo Snapdragon topo de gama, que nos permitirão maximizar o seu desempenho”, pode ler-se na publicação.

As notícias que chegam da China revelam que os novos topos de gama da OnePlus serão apresentados mais cedo do que o habitual. Pelo menos na China, estes são esperados durante o mês de janeiro.

Renderizações não oficiais do OnePlus 10. Crédito: OnLeaks
Renderizações não oficiais do OnePlus 10. Crédito: OnLeaks

Esse será um lançamento bem mais precoce do que é habitual para a OnePlus. No entanto, as versões globais só deverão ser uma realidade entre março e abril, como refere o Gizmochina. O que significa que os utilizadores globais não serão a maior prioridade para a marca desta vez.

Como referem as renderizações anteriormente reveladas por Steve Hemmerstoffer, as mudanças estéticas do smartphone devem ocorrer nas câmaras traseiras. Estes deverão ser maiores, e a parceria com a Hasselblad mantém-se.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.