NOS reduz valor máximo da penalização por cancelamento antecipado

Bruno Coelho
1 comentário

Se fores cliente NOS, a partir de 31 de janeiro pode ficar-te mais barato se quiseres cancelar o teu contrato antes do período de fidelização terminar. O valor máximo da multa vai passar a cifrar-se nos 500€.

No comunicado, a NOS adianta que o objetivo passa por estabelecer um novo teto em relação ao valor que os clientes terão de pagar à NOS caso queiram cancelar o contrato, ou mudar de operadora. A operadora segue assim uma recomendação da reguladora da Anacom e da Autoridade da Concorrência (AdC).

“A partir de 31 de janeiro, a NOS vai reduzir o valor máximo que os seus clientes terão de pagar em caso de denúncia antecipada do período de fidelização, sendo que para o produto de TV, internet, telefone fixo e móvel, essa redução é superior a 50%”, escreveu a NOS em comunicado.

NOS espera que os concorrentes sigam o seu exemplo

A NOS adianta que esta é uma decisão de autorregulação, e espera que os seus concorrentes sigam o seu exemplo. “O mercado de comunicações em Portugal é reconhecido pelo seu dinamismo concorrencial e capacidade única de autorregulação, como fica uma vez mais assinalado com esta decisão”, avança a empresa comandada por Miguel Almeida.

Esta mudança surge depois de a AdC ter publicado onde relatório onde é feita uma análise às fidelizações no setor das telecomunicações. A conclusão a que se chegou é que os modelos atuais desincentivam o consumidor a mudar de operador.

Por enquanto a Anacom e a AdC ainda não se pronunciaram sobre se a decisão da NOS corresponde às suas preocupações. Para o consumidor esta parece ser uma medida “menos má”. O ideal seria mesmo cortar as fidelizações pela raiz.

Editores 4gnews recomendam:

1 comentário
Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.