Nokia X6 OnePlus 6 Nokia X Android Oreo Google OnePlus 6
Tal como o iPhone X, Huawei P20 e OnePlus 6, também o Nokia X6 tem a sua notch.

O Nokia X6 será a próxima aposta no mercado por parte da finlandesa HMD Global. O smartphone será apresentado com a plataforma Android Oreo já amanhã, na China. Chega no mesmo dia do OnePlus 6.

Ora, ao que parece, a marca não conseguiu guardar segredos até à hora da apresentação. Já ontem, noticiamos os resultados deste equipamento na Geekbench onde mostrou o poder do seu Snapdragon 636 da norte-americana Qualcomm. Todavia, hoje surgiram imagens que revelam todas as suas especificações e características técnicas.

Vê ainda: Porsche Design recusou a notch no Huawei Mate RS

A começar, e como já é sabido, virá equipado com o processador Snadragon 656 de oito núcleos com um frequência máxima de 1.8 GHz. Este SoC está acompanhado da Adreno 509 como GPU (gráfica).

O consumidor terá duas variantes quanto a memória RAM e armazenamento interno. Uma de 4GB/64GB e outra de 6GB de RAM à qual ainda não foi divulgada a capacidade de armazenamento, acreditando-se que possa chegar aos 128GB.

Nokia X6 chega no mesmo dia que o OnePlus 6

Quanto ao ecrã, teremos um display de 5.8 polegadas de resolução Full-HD+ e um formato / padrão 19:9. Infelizmente (ou não consoante o consumidor), haverá uma notch, mas, à semelhança do Huawei P20, será uma monocelha bem mais curta que a do iPhone X. Aí, onde estarão presentes a câmara frontal de 16MP, um pequeno auscultador / altifalante e um sensor de proximidade. Uma particularidades desta câmara frontal serão os seus filtros e o “Intelligent 3D Blur”, que deverá ter um efeito semelhante ao já conhecido Portrait Mode – Modo Retrato da Apple.

O Nokia X6 e o OnePlus 6 chegarão com o Android Oreo da Google

Na parte traseira, haverá uma câmara com dois sensores. Sendo aqui o principal de 16MP e o secundário de 5MP, com suporte para HDR no Nokia X6. Já segundo site GSMArena, também a HMD Global decidiu inserir uma vertente de Inteligência Artificial (IA) na câmara deste dispositivo.

Contudo, teremos de esperar pela sua apresentação para ver se esta versão da Nokia trará algo de mais relevante do que aquilo que encontramos disponível atualmente no mercado Android.

A bateria terá uma capacidade de 3,060mAh e conseguirá ser carregada até 50% em cerca de 30 minutos graças ao Quick Charge 3.0. Quanto ao software, o Nokia X6 virá com o Android Oreo 8.1.

Será mais um dos equipamentos a integrar o programa de Android One usado no leque da marca. Isto para um suporte mais prolongado e mais atualizações de segurança e sistema para o utilizador.

Quanto a preços, espera-se que custe cerca de 200€ (CNY1,499) na China, sendo que a variante de 6GB custará um pouco mais, sendo que ainda não há informações quanto a preços a nível europeu.

Por fim, a estratégia da HMD Global poderá dar frutos. Pois smartphones com uma boa qualidade de construção, de boas especificações, preços razoáveis e muitas atualizações, soam como a receita perfeita para trazer o nome Nokia de novo à ribalta do mercado Mobile.

É atualmente, a 5ª maior fabricante na Europa (dados da agência Canalys) e já figura no Top 10 das maiores fabricantes mundiais. Voltou ao mercado Android em janeiro de 2017 depois do interregno que marcou a separação da Microsoft.

Outros assuntos relevantes:

4 fotos que nos mostram o potencial fotográfico do OnePlus 6

iPhone – Apple venderá 220 milhões de dispositivos iOS até ao fim de 2019

Android. Lenovo reforça o ecrã praticamente ”infinito” e sem notch

Artigo de Rafael Alemão para a 4gnews

Fonte | Via

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).