Não há Google? Solução da Huawei é apostar na sua própria loja de apps

António Guimarães
Comentar

Após a apresentação da série Mate 30, uma pergunta pairou no ar: e os serviços da Google? A Huawei não abordou exactamente o assunto mas deu a entender como vai tentar resolver a situação. A solução irá passar pela App Gallery, segundo o CEO Richard Yu.

Richard Yu anunciou um investimento de mil milhões de dólares para incentivar programadores a desenvolver para a Huawei. A gigante chinesa parecer querer mesmo tornar-se importante nas lojas de aplicações pois irá oferecer 85% das receitas, ao contrário dos 70% da Google Play Store e Apple App Store.

Este é o chamado HMS Ecosystem Incentive Program, já existente na China mas que a Huawei pretende expandir para o resto do mundo. A Huawei espera que com esta iniciativa consiga dar a volta à situação do banimento da Google.

mat 30 pro
Mate 30 e 30 Pro nas suas cores durante a apresentação em Berlim

As aplicações da Google podem continuar a ser instaladas na Huawei

Richard Yu reforçou algo já sabido no mundo da tecnologia: utilizadores poderão instalar ficheiros APK e continuar a ter os serviços da Google. A questão é que muitos utilizadores não estão dispostos a comprar um equipamento que não está oficialmente autorizado a ter serviços da Google, vitais na utilização diária de qualquer telemóvel Android.

Aptoide é certamente uma das soluções

Quando esta situação da Huawei com os Estados Unidos começou, foi falado que a empresa chinesa estava a negociar com a Aptoide para que a loja de aplicações portuguesa se tornasse a loja oficial nos telemóveis da Huawei.

Contudo, isso seria pouco provável pois a Huawei preza muito pela sua identidade e prefere ter uma solução "própria." No entanto, isso não impede a Huawei de publicitar a Aptoide como uma alternativa.

Huawei Mate 30 para quando?

Além da situação da Google, existe outra questão que a Huawei não respondeu: a disponibilidade dos Mate 30. Foram anunciados preços e variantes mas a Huawei não informou quando chegaram os novos telemóveis.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.