Motorola Moto Z2 Forc
Estará o novo Motorola Moto Z2 Force à altura dos rivais?

Assistimos recentemente à apresentação de um novo smartphone Android. Trata-se de um verdadeiro topo de gama da Motorola e quer conquistar o seu lugar ao sol junto dos demais flagships. O novo Motorola Moto Z2 Force veio para conquistar mas tenho sérias dúvidas quanto ao seu futuro e sucesso nos mercados.

Vê também: TOP 5 smartphones até 300€ (julho 2017)

Poderá este elegantíssimo smartphone competir com um Galaxy S8, com um Huawei P10 ou até mesmo o irreverente OnePlus 5? Só por si, sem os Moto Snaps, é um smartphone da mesma categoria dos demais topos de gama? A pergunta assombra-me e a resposta, multifacetada, só poderá ser verificada com o passar do tempo.

   

Sem querer generalizar ou criar já uma visão rígida sobre o mérito e potencial deste Moto Z2 Force, encara este artigo como uma opinião pessoal. Nesse sentido, a Motorola é uma marca que sempre me cativou.

Desde o antigo StarTac – o primeiro telemóvel com que tive contacto – até ao estiloso Moto X2 com extremamente personalizável. Afinal de contas, o que é que este novo Motorola Moto Z2 Force acrescenta ao mercado?

Conseguirá o Motorola Moto Z2 Force fazer frente à concorrência?

Como é lógico, o smartphone ainda não nos passou pelas mãos tendo em conta que foi apresentado tão recentemente. Mesmo assim, quis olhar com atenção para tudo aquilo que foi apresentado em Nova Iorque.

Motorola Moto Z2 Force
Este é o melhor smartphone da Motorola até à data.

Olhando para as especificações técnicas, para as ideias, para os Moto Snaps e para os planos da marca para divulgar e espalhar o seu novo topo de gama por todos os mercados mais relevantes. Sim, este é o melhor smartphone que a marca apresentou este ano e chamar-lhe um topo de gama não é erro, é bom senso.

Enfrentará “bestas” como o HTC U11, o OnePlus 5, o LG G6, o Sony Xperia XZ Premium e fora os lançamentos de agosto (Galaxy Note 8 e LG V30) e setembro (próxima geração de iPhone’s). Posto isto, vamos pautar este artigo pelos principais vetores deste novo Motorola Moto Z2 Force, começando pelo seu ecrã ou tela.

Tecnologia ShatterShield é um grande trunfo do Moto Z2 Force

Com um grande ecrã / tela de 5.5 polegadas, tecnologia Super AMOLED e resolução Quad-HD o Motorola Moto Z2 Force vem bem equipado nesta área. Aliás, neste quesito está a par de todos os novos topos de gama presentes no mercado.

Consegue até superar a concorrência no que diz respeito à durabilidade e robustez da sua tela. Graça à tecnologia ShatterShield destaca-se dos demais. A resistência do ecrã é garantida pela utilização de um painel de vidro intercalado com plástico. Mantém assim a resistência a riscos do vidro, temperado com a maleabilidade do plástico, um material dúctil e que será capaz de sobreviver a choques.

Em suma, o toque no ecrã é de vidro mas no seu coração temos um núcleo de plástico que permite ao ecrã / tela, aguentar as forças que normalmente estilhaçam o vidro numa queda.

E o interior? Como são as especificações do Motorola Moto Z2 Force?

No interior deste smartphone temos aqui uma boa configuração entre os 4GB de RAM (com os mercados asiáticos a receberem uma variante com 6GB de RAM) e o processador Snapdragon 835 da Qualcomm.

As especificações técnicas do Motorola Moto Z2 Force incluem:

  • Tela de 5.5 polegadas AMOLEDMotorola Moto Z2 Force
  • Resolução Quad-HD (1440x2560p)
  • Tecnologia/ vidro ShatterShield
  • Processador Qualcomm Snapdragon 835
  • Gráfica Adreno 540GPU
  • 4 / 6GB de RAM
  • 64/ 128GB de armazenamento
  • Expansão via microSD
  • Bluetooth 4.2
  • Câmara principal dupla de 12MP
  • Câmara secundária de 5MP
  • Android 7.1.1 Nougat
  • Bateria de 2730mAh
  • Disponível em Preto e Branco/Dourado
  • Preço ronda os $756 dólares

Poderoso, sim, mas em 2017 carece dos 6GB de RAM para pelo menos impressionar os consumidores. Não tenho dúvidas de que com a sua UI próxima do Android puro a sua fluidez seja irrepreensível mas com 6GB de RAM conquistava o consumidor mais atento.

A sua nova câmara dupla sim, promete ser superior até alguns dos seus rivais. Temos aqui dois sensores de 12MP. Um deles captura imagens a cores, o outro a P&B compondo depois uma imagem que promete ter mais detalhes. Ideologia igualmente adoptada pela Huawei nos seus P10.

O simples facto de utilizar Android praticamente stock ou puro, é um grande ponto a seu favor. Desta forma, não só receberá mais rapidamente as próximas atualizações de software como todo o seu funcionamento deverá ser bem fluído. Mais até do que os seus concorrentes a longo prazo.

Preocupa-me a dependência e insistência da Motorola nos Moto Snaps

Em si o smartphone é excelente em todos os parâmetros tirando apenas na capacidade de bateria. Está bem mais magra com 2730mAh face ao modelo anterior e a resposta da Motorola é simples. Utiliza um Moto Snap de bateria e tens o problema resolvido.

Moto Z2 Force Motorola
Todos estes Moto Snaps tem um custo acrescido

Sim, é fácil falar, seria mais fácil ainda se os Moto Snaps já viessem incluídos na caixa com o novo Motorola Moto Z2 Force, isso sim seria revolucionário. Assim, desta forma, para além do smartphone acabarás por comprar pelo menos o Snap da bateria, ou…terás que usar menos o dispositivo para que te dure até ao fim do dia.

Algo tão essencial como a bateria não devia ser um extra, devia estar incluído

Há mais de 10 anos atrás vários telemóveis traziam duas baterias na caixa. Uma “gorda”, outra muito fina e elegante. Se o utilizador precisar de mais autonomia iria optar pela bateria grande, caso contrário levava apenas a fina.

Agora, se queres uma autonomia exemplar neste Motorola Moto Z2 Force tens que comprar o Snap à parte. Nem todos eles são caros, mas nenhum deles é barato.

Preço dos Moto Snaps

Motorola Moto Z2 Force
O novo Moto Mod com câmara 360 para os Motorola da linha Z

Existem ainda vários outros Moto Mods ou Moto Snaps mas estes são os mais procurados a par das simples capinhas de personalização. Por um lado, a Motorola foi a única marca capaz de implementar, com sucesso, a ideologia modular no mercado de dispositivos móveis.

A realidade do Motorola Moto Z2 Force

Contudo, sinto que cada vez mais, para termos um Motorola completo. Um smartphone bom em todas as frentes, temos que comprar um ou outro Moto Snap. Passou de escolha quase a obrigação.

Motorola está a tomar muitas decisões acertadas mas a dependência dos Moto Snaps pode ser prejudicial

Já não bastava ter que pagar um topo de gama às prestações (parcelado), agora também vendem o smartphone às prestações?

A meu ver, sem o Moto Mod para a bateria este novo Motorola Moto Z2 Force perde face aos demais concorrentes.

Quando se solicita perto de $800 dólares pelo dispositivo em si ele tem que ser bom em todas as frentes e neste momento o novo Motorola peca pela capacidade de bateria. Tudo o resto, porém, é bastante promissor.

Para mais informações sobre esta marca e tudo sobre tecnologia falada em português segue a 4gnews. Acompanha-nos no Facebook, Instagram e claro, no YouTube onde terás também as nossas LiveCasts semanais.

E tu, planeias comprar o novo Motorola Moto Z2 Force ou estás à espera do Moto Z2 Force que deverá chegar em setembro, na IFA Berlim?

Outros assuntos relevantes:

Xiaomi Mi AI Speaker – Este é o novo Google Home da Xiaomi

Este é o TOP 5 smartphones até 300€ (julho 2017)

Wareztuga está mesmo de volta!? Mais ou menos…

ViaMotorola.com
FonteMotorola BR
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).