MIUI 10 traz um novo mecanismo de segurança para as tuas aplicações

Carlos Oliveira

Numa era em que a segurança biométrica se encontra em pleno crescimento, a Xiaomi quer acompanhar essa evolução. Nesse sentido, a mais recente versão beta da MIUI 10 traz o reconhecimento facial como medida de segurança para as tuas aplicações.

Com efeito, a versão da 9.2.21 desta interface faz com que todos os equipamentos compatíveis já possam usufruir desta novidade. Uma medida que visa, acima de tudo, simplificar os métodos de autenticação para o nosso dia a dia.

MIUI 10

Em primeiro lugar, terás naturalmente de ativar esta funcionalidade. Para tal deves dirigir-te ás Definições - Segurança de aplicações - Reconhecimento Facial. Uma vez aí tudo o que terás de fazer é configurar o teu rosto no sistema do teu smartphone.

Reconhecimento facial chega a todas as aplicações com a MIUI 10 beta

Desse modo, todas as aplicações que requeiram algum tipo de autenticação poderão agora usufruir do reconhecimento facial. Uma funcionalidade que ainda se encontra no programa beta da MIUI 10, mas que acabará por chegar à sua versão estável.

Atualmente são já vários os smartphones Xiaomi que suportam algum tipo de reconhecimento facial. Ainda assim, alguns deles fazem apenas uso da câmara frontal do equipamento, o que não lhe confere a maior segurança do mundo.

Só o Xiaomi Mi 8 Explorer Edition é que nos oferece reconhecimento facial 3D. Ou seja, este é o único capaz de concorrer diretamente com o Face ID da Apple ou com a tecnologia presente no Huawei Mate 20 Pro.

Em todo o caso, todos eles poderão usar este novo recurso da MIUI 10. O futuro leva-nos para um caminho onde as passwords serão coisa do passado e a Xiaomi já se encontra a trabalhar afincadamente nesse futuro.

Editores 4gnews recomendam:

Redmi Note 7 Pro já tem data de lançamento no país natal

Leak: Huawei P30 Pro aparece em novas imagens

Apple vai “copiar” LG com possível característica em futuros iPhone

Fonte | Via

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.