iPhones estão perto de registar um marco impressionante para a Apple

Carlos Oliveira
1 comentário

Quem ainda se recorda do lançamento do primeiro iPhone? Foi em janeiro de 2007 que Steve Jobs apresentou ao mundo um equipamento que revolucionaria o mercado, estando longe de imaginar aquilo que se deverá atingir cerca de 13 anos depois.

De acordo com os analistas, a Apple irá vender o iPhone número 2 mil milhões ainda no decorrer de 2020. Isto porque, até ao momento, estima-se que a gigante norte-americana tenha vendido 1.9 mil milhões de exemplares. Número que incluiu todas as gerações já lançadas deste smartphone.

iPhone 11

Vendas dos iPhones estão em clara recuperação

Os últimos dados estatísticos demonstram que os iPhone 11 têm sido bastante bem recebidos no mercado. Depois de um ano de 2018 / 2019 claramente desapontante para a empresa, a nova geração inverteu esse cenário.

Ao que tudo indica, a Apple prepara-se para vender um total de 195 milhões de equipamentos até ao final do ano fiscal de 2020. Um valor bastante acima dos 186 milhões inicialmente estimados.

O mercado chinês é um dos principais responsáveis por este sucesso. Tal como noticiamos hoje mais cedo, a Apple registou um crescimento anual de 18.7% neste mercado.

Se olharmos para as receitas da empresa, os números são ainda mais animadores. Segundo o que é avançado, a Apple poderá atingir lucros recordes de 275 mil milhões de dólares.

2020 ainda tem muitas surpresas para os amantes de iPhone

A meados deste ano espera-se que seja apresentado o iPhone 9, o sucessor do iPhone SE. Este será o modelo mais económico de todo o novo portefólio da empresa norte-americana.

Terá o design do iPhone 8, mas com as especificações do iPhone 11. Ou seja, o modelo ideal para os amantes da estética mais antiga da Apple, sem descurar uma excelente performance.

Em setembro teremos a relevação dos iPhone 12, com um design semelhante ao iPhone 11 e com brutas especificações. Serão os próximos topos de gama da Apple para os verdadeiros amantes destes smartphones e com maior poder de compra.

Em suma, 2020 reserva muitas novidades para os utilizadores Apple. Por isso é que não é nada descabido que possa ser atingida, e até superada, a marca dos 2 mil milhões de exemplares vendidos.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.