iPhone 12: todos os rumores do novo iPhone para 2020

Rui Bacelar

Tudo o que já sabemos sobre os telemóveis Apple para 2020. Todos os rumores e fugas de informação, a data de lançamento, as caraterísticas e especificações para os iPhone 12, iPhone 12 Max, iPhone 12 Pro e iPhone 12 Pro Max.

Seguindo a calendarização da marca, em setembro de 2020 ficaremos a conhecer oficialmente os próximos iPhone. Até lá, compilamos as informações e detalhes que são gradualmente sugeridos, divulgados, ou confirmados.

A exceção foi o novo iPhone SE (2020), o telemóvel mais barato da Apple para este ano, apresentado a 15 de abril como sucessor do iPhone SE (2016), sendo a melhor escolha para quem procura um iPhone barato e atualizado!

Teremos 4 novos telemóveis Apple para 2020

Apple
Representação artística do possível iPhone 12 Pro / Max

Tal como em 2019, também em setembro de 2020 ficaremos a conhecer os novos telemóveis Apple com o sistema operativo iOS. Sendo eles o iPhone 12, iPhone 12 Max, iPhone 12 Pro e iPhone 12 Pro Max, quatro novos telemóveis de topo.

Relativamente ao preço, o mais barato será o iPhone 12, com o iPhone 12 Pro a ser o modelo intermédio e o iPhone 12 Pro Max a ser o mais caro. Tal como em 2019, também em 2020 teremos várias opções de memória à escolha, até 512 GB.

De acordo com as fugas de informação, os dois primeiros terão câmara traseira dupla, ao passo que os outros dois (mais caros), terão um até três. Vale ainda referir que as versões "Max" trarão um ecrã maior, com mais polegadas.

Os iPhone 12 terão ecrã OLED de 5,4, 6,1 e 6,7''

Apple
Representação artística do possível iPhone 12 Pro

Com 5,4 polegadas de diagonal, 6,1 e 6,7'' respetivamente, utilizarão ecrãs OLED e todos terão um design idêntico, mas com alterações face à geração de 2019. Ao que tudo indica, podemos ter aqui a maior diferença face aos modelos atuais.

Isto resultará em quatro modelos e três tamanhos à disposição do consumidor, variando não só em preço mas também em tamanho e nos esquemas de armazenamento. A memória RAM variará entre os 4 GB e os 6 GB para os quatro novos iPhones.

Partilharão o novo processador Apple A14, suporte para redes 5G e a tecnologia de ecrã. Aponta-se ainda uma nova tecnologia de reconhecimento facial, ou Face ID 2.0, além de sensores LiDAR nas câmaras principais para melhor focagem.

Arestas e laterais angulares, tal como o iPhone 4

Apple
O iPhone 4 foi lançado em 2010

Espera-se uma mudança notória face aos telemóveis atuais com as margens arredondadas e arestas disfarçadas. Em vez disso, podemos ter linhas retas e ângulos acentuados, algo inspirado na geração de telemóveis lançada em 2010.

Esta sugestão foi apontada pelo analista Ming-Chi Kuo para os iPhone de 2020. Espera-se que a Apple use também um novo método de fabricação da estrutura metálica, sem as bandas para antena visíveis.

Esta hipótese não tem reunido consenso entre os analistas, nem novas fugas de informação.

Até 4 câmaras traseiras nos iPhone 12 Pro

Apple
Representação artística do possível iPhone 12 Pro com a câmara ToF

A fotografia continuará a ser uma das áreas de maior aposta da Apple e de toda a indústria mobile. Assim, para 2020 podemos ter a inclusão de mais um sensor fotográfico, melhorando a fórmula dos já excelentes iPhone 11, lançados em 2019.

Os rumores apontam uma quarta câmara, um sensor Time of Flight (ToF) que acrescentará informações sobre a profundidade de campo. Algo que deverá melhorar a experiência de realidade aumentada e a qualidade fotográfica geral.

A nova câmara poderá ser utilizada para fazer um scan e reconhecimento de objetos relativamente distantes do telemóvel. Algo que já é utilizado atualmente na câmara frontal com o sistema TrueDepth, mas agora com um maior raio de ação.

Mais recentemente, foi sugerida a introdução de um sistema LiDAR nas câmaras principais. Isto melhorará a velocidade de focagem automática, precisão da mesma, por conseguinte, a qualidade das imagens e vídeo captado pelos telemóveis.

Prevemos, assim, que os iPhone 12 usem pelo menos duas câmaras na traseira, com os modelos Pro a empregar entre três a quatro módulos fotográficos. A experiência fotográfica será um dos principais fatores na determinação do preço dos iPhone 12.

Tecnologia TrueDepth, já sem "notch" no novo iPhone para 2020?

Apple
Representação artística do possível iPhone sem "notch"

Ainda dentro do quesito fotográfico, podemos ter uma grande diferença na parte frontal dos iPhone 12. Ming-Chi Kuo acredito que a Apple vai reduzir, ou eliminar finalmente o notch do topo dos telemóveis, mas manterá o sistema TrueDepth.

Algo que será possível graças à redução do tamanho dos componentes e sensores necessários. Até ao momento uma das fornecedoras da Apple já tem um novo sensor que pode ser embutido no ecrã OLED, não ocupando espaço no topo.

Na prática, podemos estar perante os telemóveis Apple com melhor aproveitamento do painel frontal. Algo que pode ser complementado pelo regresso do Touch ID, também com um sensor embutido no ecrã.

Chip Apple A14 e suporte para redes 5G

Apple

O novo processador, Apple A14, já está a ser preparado pela gigante de Cupertino e trará um maior desempenho, bem como uma melhor eficiência energética. Algo que se traduzirá em mais velocidade e menor consumo de energia nos iPhone 12.

Atualmente não temos dados concretos sobre o processador, mas espera-se que a Apple traga o suporte para redes 5G com os seus telemóveis para 2020. Algo que será possível graças ao entendimento com a Qualcomm e respetivos modems.

Segundo alguns analistas de mercado o novo A14 Bionic pode dar o salto para 5 nm durante o próximo ano. Algo que tornaria o iPhone 2020 num dos primeiros telemóveis a trazer esta litografia para o mercado.

Na prática, estamos a contemplar o chip X55 com velocidades máximas de 7 Gbps em download e 3 Gbps em upload. Ainda assim, podemos ter uma solução específica para os iPhone a ser desenvolvida pela Qualcomm.

Os iPhone 12 devem manter a porta Lightning em 2020

Apple

Os primeiros rumores foram apontados pelo analista Ming-Chi Kuo, nome famoso no universo Apple. De acordo com as suas estimativas, a Apple deveria abandonar a porta Lightning no final de 2019, optando pela porta USB-C.

No entanto, não só o iPhone SE 2020 manteve esta porta, mas também os novos rumores sugerem que esta alteração será aplicada apenas em 2021. Em síntese, nos iPhone 12 tudo se manterá igual, mas as alternativas já estarão a ser estudadas.

Shame the USB-c prototype iPhone 12's arent making it to production. 1 more year of lightning 🥳😭 Oh well, at least smart connector on 13 series

— Fudge (@choco_bit) 25 de maio de 2020

Já de acordo com a responsável pela conta de Twitter @choco_bit, terão sido testados protótipos dos vários iPhone 12 com a porta USB-C, mas a produção destes não avançará. Assim sendo, só em 2021 é que a Apple efetuará esta troca.

A gigante tecnológica quererá assegurar a manutenção de uma porta familiar e conhecida dos utilizadores. Ainda assim, espera-se que no próximo ano seja feito o salto para o Smart Connector, uma alternativa proprietária ao USB-C.

O iPhone SE (2020) começa nos 499 € na Europa

Apple
O novo iPhone SE (2020) está disponível em preto, branco e vermelho (product RED).
  • Ecrã Retina HD de 4,7 polegadas 1334 × 750 píxeis
  • Processador A13 Bionic da Apple
  • Certificação IP67 - resistente ao pó e água
  • Câmara traseira de 12 MP, abertura f/1,8, ampliação digital 5x
  • Gravação até 4K a 60fps com estabilização ótima de imagem para vídeo
  • Câmara lenta a 1080p com 120 ou 240fps
  • Câmara frontal de 7 MP, abertura f/2,2
  • Conetividade 4G, Wi-Fi 6, Bluetooth 5.0 e VoLTE
  • Carregamento até 18 W e carregamento sem fios Qi
  • 64 GB, 128 GB ou 256 GB de armazenamento interno
  • Peso: 148 gramas, construção em vidro e metal

A Apple apresentou o novo iPhone barato, com Touch ID, design clássico, construção em vidro e metal (alumínio), além de um ótimo processador, o A13 Bionic. Tem autonomia similar ao iPhone 8, apesar de não terem revelado a capacidade exata em mAh.

Trata-se de um telemóvel compacto, com ecrã de 4,7 polegadas, prometendo ótimo desempenho, com uma única câmara de 12 MP na traseira, mas vários trunfos no software de processamento de imagem e uma câmara frontal de 7 MP.

O iPhone SE (2020) está disponível em preto, branco e vermelho (Product RED), com traços evocativos do modelo lançado em 2014, mas poderosas especificações e certificação IP67, a resistência ao pó e à água até 30 minutos em água doce.

Os analistas acreditam que a Apple pode vender 20 milhões do novo iPhone SE em 2020. Mais recentemente, devido ao COVID 19 e as suas implicações na economia chinesa e global a entrega aos consumidores ser mais demorada.

Ainda assim, concretizou-se a apresentação do novo iPhone barato durante a primeira metade de 2020.

O novo iPhone SE é o telemóvel mais barato da Apple em 2020

Apple
O Touch ID está de volta, agora num telemóvel barato com o iOS da Apple.

Fiel aos rumores, o design e grande parte das caraterísticas técnicas viria a confirmar-se. Na prática, este é o telemóvel mais barato da Apple, com especificações suficientes para garantir uma boa experiência de utilização a grande parte da população.

Está disponível com 64 GB de armazenamento interno por 499 €, 128 GB por 549 €, ou 256 GB por 669 € em Portugal. O seu lema é "Muito iPhone. Por muito menos." e, em boa verdade, consegue entregar isso mesmo.

Podes ver aqui (e ler) a nossa análise completa ao novo iPhone SE (2020) da Apple.

Os preços para os novos telemóveis da geração iPhone 12

Apple

O preço do novo iPhone para 2020 já tem sido discutido online. Até ao momento, temos noções vagas dos preços para os Estados Unidos da América para os quatro novos telemóveis Apple, do iPhone 12, iPhone 12 Max, iPhone 12 Pro e iPhone 12 Pro Max.

O iPhone 12, com 4 GB de RAM, ecrã de 5,4 polegadas e as opções de 128 e 256 GB de armazenamento interno custará o equivalente a 600 € e 684 €, respetivamente.

O iPhone 12 Max, com ecrã de 6,1 polegadas e as mesmas opções de memória (RAM e armazenamento), custará entre 693 € e 785 €, respetivamente.

O iPhone 12 Pro, com ecrã de 6,1 polegadas e 6 GB de memória RAM custará o equivalente a 924 € com 128 GB de armazenamento, 1016 € com 256 GB, ou 1201 € com 512 GB.

O iPhone 12 Pro Max, com ecrã de 6,7 polegadas e as mesmas configurações de memória, custará 1017 € (128 GB), 1109 € (256 GB) e 1294 € (512 GB). Vale frisar que estes são os possíveis preços para os Estados Unidos da América.

Os iPhone 12 chegam em setembro de 2020

É, muito provavelmente, a maior certeza até ao momento. O próximo trio de smartphones iOS será apresentado pela mão de Tim Cook no auditório Steve Jobs, parte do Apple Park localizado no estado norte-americano da Califórnia.

Entretanto, com longos meses pela frente, a informação aqui compilada não deve ser assumida como final, ou definitiva. Trata-se de um compêndio dos rumores já em circulação, regularmente atualizados para que saibas o que esperar dos iPhone 12.

Se queres acima de tudo um iPhone perfeito para fotografia, fica a conhecer a tecnologia Deep Fusion da Apple que está a conquistar os utilizadores, além disso, vê a lista dos melhores para foto, de acordo com a DxOMark.

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.