Google pode voltar aos topos de gama mais cedo que o esperado

Carlos Oliveira
Comentar

A Google mudou um pouco a sua estratégia este ano. Embora o Pixel 5 seja o seu mais potente smartphone do ano, este não pode ser comprado aos demais topos de gama Android, porque foi lançado com um Snapdragon 765G.

No entanto, um novo rumor indica que a Google poderá voltar aos verdadeiros topos de gama já em 2021. E a grande novidade é que esse equipamento poderá ser revelado já em março próximo.

This is the biggest rumor I've heard in ages, and I mean this is an unsubstantiated rumor I've heard from like 2 people so absolutely don't believe it, but apparently there's a true flagship Pixel coming out in like March 2021. Again, unsubstantiated rumor.

— Max Weinbach (@MaxWinebach) 29 de outubro de 2020

Google Pixel 6 poderá chegar em março

Quem está a avançar com esta informação é o conhecido editor chefe do XDA Developers Max Weinbach. Todavia, o próprio tem várias reticências na veracidade desta teoria e aconselha-nos a deitar uma boa dose de sal.

De facto, há vários pontos que levantam grande suspeita nesta informação. Desde logo, porque a Google só costuma apresentar os seus topos de gama em outubro. Ademais, esta seria uma data bem mais provável para a revelação do Pixel 5a.

Por falar em Pixel 5a, este intermediário deverá revelado no segundo trimestre de 2021. A ser isto verdade, a Google inverterá a sua ordem de apresentações, brindando o mercado primeiramente com o seu topo de gama e só depois com um gama média.

Importa ainda relembrar que, em agosto passado, surgiu um documento que sugeria algo coincidente com aquilo que Weinbach afirma. Esse documento sugeria o lançamento de dois Pixel 6 e um dobrável no quarto trimestre do ano.

O último seria o grande trunfo da Google para o próximo ano, daí que a sua revelação possa acontecer mais para o final do ano. Ou seja, a Google colocaria primeiramente no mercado os seus equipamentos mais "banais" e o seu flagship continuaria a chegar em outubro.

Uma vez mais, importa sensibilizar o nosso leitor para o facto de que este poderá ser um rumor que poderá não se confirmar. Referimos isso em várias ocasiões, mas nesta em particular quando a própria fonte não parece muito convicta.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.