Google obrigou a Xiaomi a "atacar" a Huawei na caixa do Mi 10 Pro e mais se seguirão

Carlos Oliveira
1 comentário

Há poucos dias, a Google a Xiaomi juntaram-se para fazer uma afronta à Huawei que poucos esperariam. Na caixa da versão europeia do Xiaomi Mi 10 Pro foi impressa uma frase alusiva à presença dos serviços Google no smartphone.

Perante a discussão que isso gerou, a Xiaomi já veio esclarecer o motivo para tal. Segundo o que a chinesa afirma, a Google obrigou-a a colocar aquela frase na caixa do seu equipamento.

Xiaomi Mi 10 Pro Huawei Google

Mensagem "acesso fácil aos serviços Google" passará a ser obrigatória

A Xiaomi informa que a Google passará a obrigar todas as suas parceiras a colocar mensagem semelhante na caixa dos seus equipamentos. Isso é algo que está agora contemplado no acordo celebrado entre a Google e as suas parceiras para o licenciamento de novos smartphones.

A chinesa compara isto à presença da mensagem "powerd by Android" em todos os smartphones e tablets que usem o sistema operativo. Isto significa que a mensagem que tem gerado controvérsia passará a ser recorrente.

A Xiaom foi a primeira a colocar em prática esta nova clausula, devido à recente renovação do seu contrato com a Google. Para que a chinesa pudesse lançar o Xiaomi Mi 10 Pro, teria de colocar aquela pequena afronta à Huawei na caixa do equipamento.

Mi 10 pro caixa

Na próxima semana serão apresentados os novos OnePlus 8. Depois desta notícia, não estranhes se também estes tenham uma mensagem semelhante. A menos que o acordo entre a OnePlus e a Google ainda não necessite de ser renovado, a Huawei não será esquecida por quem comprar um OnePlus 8 ou 8 Pro.

Google e Huawei já foram melhores amigas

Estas duas gigantes tecnológicas vivem tempos conturbados nas suas relações institucionais por culpa de Donald Trump. A ordem do presidente dos EUA impediu que a chinesa use os serviços da americana e a última tem se esforçado para fazer os utilizadores lembrarem disso.

Recentemente, a Google começou a bloquear a instalação manual dos seus serviços nos smartphones da Huawei. Caso o utilizador tente este método, a Google Play Protect irá mencionar que o equipamento não está certificado para o uso desses programas.

Isso colocou a Huawei numa posição muito desconfortável. Se até então alguém com à vontade suficiente podia contornar a ausência dos serviços Google nos seus equipamentos, agora não o poderá fazer. Algo que dificultará ainda mais a tarefa à Huawei em convencer os utilizadores fora da China a comprar os seus smartphones.

Aproveita para conhecer os melhores telemóveis Xiaomi disponíveis no mercado. Além disso, vê a lista dos melhores telemóveis para fotografia, de acordo com o ranking da DxOMark.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.