Google está a recolher informações privadas de pacientes, sem pedir permissão!

Vitor Urbano
Comentar

Cada vez mais, vemos as gigantes do mundo tecnológico investir no segmento do bem-estar e saúde, sendo um dos que tem apresentado um maior desenvolvimento. Agora, a Google poderá ter encontrado forma de conseguir uma incrível vantagem sobre os seus rivais.

De acordo com o The Wall Street Journal, a Google passou vários meses a recolher informações privadas de muitos milhões de pacientes do sistema de saúde nos Estados Unidos. O que torna toda a situação bastante constrangedora é, o facto de que, não pediram nenhuma autorização para a recolha destas informações.

Project Nightingale ainda vai dar muito que falar, e não será por boas razões

A Google escolheu "Project Nightingale" como nome para este peculiar projeto, realizado em parceria com a Ascension, uma das maiores organizações de saúde dos Estados Unidos. Entre as muitas informações recolhidas, estão incluídos nomes, datas de nascimento, diagnósticos, registos de hospitalização, entre outros. O nível de detalhe dos dados recolhidos "às escondidas" é impressionante.

Google saúde privacidade

De acordo com as informações publicadas, a Google tem uma equipa de 150 funcionários responsável pela gestão de toda a informação recolhida. Além disso, não foram os pacientes os únicos a não terem conhecimento desta recolha de informações. Os médicos também não receberam nenhum tipo de aviso.

Informações reveladas pela Forbes, afirmam que a Google tem como principal objetivo conseguir criar um motor de busca para o sistema de saúde (Ascension). Desta forma, querem tornar possível a um médico ter acesso a uma vista geral detalhada sobre o histórico de um paciente, através de uma pesquisa simplificada ao estilo do Google.

Para já, este é um sistema que está a ser implementado apenas na Ascension. No entanto, caso seja um sucesso e consigam ultrapassar estes possíveis problemas de confidencialidade, poderá ser facilmente expandido para todo o sistema de saúde.

Google Saúde

Google afirma que segue todas as apertadas regras de privacidade

Através de um comunicado oficial, a Google afirmou que todas as informações recolhidas sobre pacientes estão em concordância com as apertadas regras de privacidade da HIPAA. Basicamente, estas regras têm como objetivo impedir que, informações privadas sejam partilhadas com terceiros.

No que respeita à sua parceria com a Ascension, a Google afirmou que está centrada na transferência das infraestruturas da empresa para a cloud. Desta forma, pretendem trazer o grande leque de ferramentas do G Suite para todos os médicos e enfermeiros.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.