Fitbit lança um concorrente ao Apple Watch!

António Guimarães
Comentar

A Fitbit está pronta a atacar o mercado premium com o novo Fitbit Sense, o seu smartwatch para saúde mais avançado, afirma a empresa. Dado os méritos que o Apple Watch tem recebido a nível de funções de monitorização de saúde, a Fitbit decidiu que não podia ficar mais atrás.

Assim sendo, o Fitbit Sense está equipado com vários sensores adicionais além do normal, como medidores de temperatura de pele e função de eletrocardiograma. A saúde é um tema sensível em 2020, devido à pandemia mundial e a Fitbit quer que a sua tecnologia se afirme como uma ajuda no dia a dia.

sgsdf
Fitbit Sense

Provavelmente a funcionalidade mais interessante deste Fitbit Sense é a função EDA, um detetor que utiliza os impulsos elétricos da pele para registar dados. O utilizador coloca a palma da mão no mostrador do relógio, onde o sistema analisa os níveis de suor na pele.

Supostamente, o sistema vai devolver dados biométricos sobre o utilizador, incluindo qualidade do sono, batímento cardíaco e nível de exercício. O Fitbit Sense será toda uma ferramenta de bem-estar e monitorização de saúde. A Fitbit pretende que o aparelho seja utilizado para medir stress, embora isso seja demasiado subjetivo para ser analisado por um relógio.

Ainda assim, o Fitbit Sense pode ser um aparelho com potencial para a ajudar os utilizadores a criar rotinas mais favoráveis, como meditação e exercício. Além disso, sendo um relógio inteligente, todos os dados ficam registados para posterior consulta. O Fitbit Sense chega em setembro com um valor a rondar os 330 dólares.

Editores 4gnews recomendam:

António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.