Está confirmada mais uma desistência da MWC 2020. Haverá condições para a sua realização?

Carlos Oliveira
1 comentário

O recente surto de Coronavirus colocou parte da China em quarentena e tem alarmado todo o globo. São cada vez mais os casos registados pelo globo e os receios de contaminação estão a colocar em causa um dos maiores eventos de tecnologia do mundo.

Depois da LG, ZTE e Ericsson terem desistido da sua participação na MWC 2020, agora é a vez da Nvidia tomar a mesma decisão. Tal como as anteriores, a empresa americana justifica esta decisão com o surto de Coronavirus.

A Nvidia cita preocupações com a saúde dos seus funcionários para cancelar a sua participação na Mobile World Congress deste ano. Para a empresa norte-americana o bem-estar do seu pessoal e clientes sobrepõe-se a tudo o resto.

MWC

Nvidia iria falar sobre Inteligência Artificial e 5G no evento

Estas seriam as principais áreas tecnológicas sobre as quais a empresa se debruçaria no evento espanhol. Não fica claro se a Nvidia vai cancelar por completo os seus anúncios ou se poderá fazê-lo através de uma conferência online.

Este tem sido o caminho seguido por várias empresas do ramo. A opção por eventos online evita a aglomeração de pessoas, continuando a servir o propósito de apresentar ao mundo os seus novos produtos.

Haverá condições para a realização da MWC este ano?

É certo que a Nvidia não é dos nomes mais sonantes do certame espanhol, mas é mais uma prova de que as empresas têm medo de viajar até Barcelona só para apresentar novos produtos. Se mais empresas continuarem a anunciar a sua desistência deste evento, até quando continuará a ser viável a sua realização?

A GSMA, responsável pela organização da Mobile World Congress, já confirmou que mantém os seus planos para a realização do certame. Para isso, a entidade tomará várias medidas para garantir a segurança de todos os que forem até Barcelona.

Mas a questão que se impõe é se ainda há vontade das pessoas em viajar até Barcelona para o evento. Numa altura em que se contam já 722 vítimas mortais do Coronavirus, os grandes eventos, com grandes conglomerados de pessoas, são algo a evitar.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.