É oficial: Xiaomi vai lançar processador próprio quatro anos depois

Bruno Coelho
Comentar

É preciso recuarmos até 2017 para o lançamento do Surge S1. Este foi o primeiro e único processador caseiro lançado até à data pela Xiaomi. A partir do próximo dia 29 de março isso vai mudar.

Sucessor do Surge S1 será apresentado esta segunda-feira, 29 de março

Através da rede social Weibo, a Xiaomi fez um anúncio que deixou muitos fãs surpreendidos. Não serão apenas smartphones ou um computador portátil a ser apresentados no grande evento preparado para segunda-feira. O novo processador da fabricante chinesa também será conhecido nesse mesmo dia.

Xiaomi anuncia lançamento de novo processador

“My heart surged” (o meu coração disparou), escreveu a Xiaomi na publicação. Este “surged” é uma clara referência ao nome do processador apresentado em 2017, dando a ideia de que o nome pode ser mantido no novo SoC.

Resta agora saber que tipo de processador será este. Recorde-se que o Surge S1 era um processador direcionado para o Mi 5C, que era um smartphone barato, e logo com ambições modestas.

Lançar um processador de topo assim "do nada", que possa competir com as opções da Qualcomm, não será propriamente fácil para a Xiaomi. Estamos por isso curiosos em perceber qual será a estratégia usada.

É provável que a Xiaomi esteja apenas a preparar um processador um processador que possa trabalhar em conjunto com um da Qualcomm. Poderia funcionar para melhorar, por exemplo, o processamento de imagem dos novos smartphones topo de gama, e coexistir com o Snapdragon 888. Dia 29 de março saberemos o que está a ser "magicado".

Durante esse evento serão apresentados os smartphones Mi 11 Lite, Pro e Ultra, mas também o novo membro da linha Mi MIX. Pelo menos na China será ainda apresentado o novo computador portátil, Mi NoteBook Pro 2021.

Editores 4gnews recomendam:

  • Xiaomi: novo computador portátil não engana ninguém na inspiração
  • CEO da Xiaomi revela o porquê de os seus smartphones serem baratos
  • Xiaomi admite um aumento no preço dos seus smartphones
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.