"DeadPool": Apenas uma opinião menos positiva (Sem spoilers)

Filipe Alves

deadpool 2

DeadPool fez um hype do tamanho do mundo com um marketing que realmente merece uma ovação. No dia de estreia, lá estava eu no cinema pronto para mais um fantástico herói da Marvel.

Embora o filme fosse arquitetado pela FOX, acreditava bastante na história do super herói que não se assume como tal. O filme tem as suas partes surpreendentes e tenho de admitir que a meio da sessão senti-me sem folgo de tantas gargalhadas, mas chegou para me convencer? Nem por isso.

Não sou muito esquisito no que toca a filmes, não sou loco pela "fotografia" ou "enredo", gosto que um filme me deixe entretido por uma ou duas horas, gosto de me sentir na pele da personagem principal e gosto de ver efeitos especiais, muitos deles.

deadpool 1

Os filmes da Marvel, ou pelo menos heróis da Marvel são assim, com o DeadPool acreditava que assim fosse. Eu sei que se tinham de focar no seu passado e como é o primeiro filme desta personagem é importante saber o seu background, mas fazer do filme a contar a história do passado tanto tempo em vez de se focar no presente, foi algo que me deixou a questionar o dinheiro que paguei pelo bilhete.

Não quero com isto dizer que o filme não presta, mas sabendo o que sei hoje, certamente não seria um dos filmes que selecionaria para ver no cinema. Deadpool, na minha opinião, não tem nada de espetacular e como o cinema é carote, tenho de selecionar os que valem ou não a pena.

Considero que a personagem tem muita potencialidades mas entrar no esquadrão X-Men também não me parece uma escolha acertada, pessoalmente não sou grande fã de X-Men e se não fosse a história de Wolverine nem essa saga me levava às salas de cinema.

Espero honestamente que o segundo filme traga mais acção do que este, mas lá está, ele já fez Milhões e as reviews são bastante positivas, esta foi a minha que ao que parece é contrária de todas as pessoas que falo e reviews que leio.

Talvez queiras ver:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.