Cuidado clientes Vodafone! Tarifário "ilimitado RED" fez chegar uma conta de 3500€ a um cliente!

Filipe Alves
7 comentários

O tarifário Vodafone RED Infinity foi lançado oficialmente pela operadora no dia 20 de setembro de 2019 e prometia a todos os utilizadores uma internet "ilimitada".

Contudo, um dos seus clientes acabou de referir que recebeu uma fatura de 3 499,48 € pela utilização de 548 GB do serviço incluído e 29,7 GB que custaram ao cliente 2 804,54 €. Ou seja, parece que a internet "ilimitada" da Vodafone não é propriamente ilimitada.

Serviço da Vodafone foi utilizado num Router

Fatura Vodafone RED Infinity

Ao procurar uma explicação sobre a situação, o cliente Vodafone expôs a situação no fórum Zwame questionando a todos os seus utilizadores se seria normal tamanha fatura de telemóvel.

Num esclarecimento aos mais curiosos que foram colocando questões sobre a utilização do serviço, o cliente da Vodafone com o username "Nondual" referiu que a sua utilização tinha sido efetivamente num router. Para ser concreto, a Vodafone não diz expressamente nas suas condições de serviço que o serviço não pode ser utilizado num router.

Podemos ler nos termos e condições do tarifário "Todos os tarifários Infinity são apenas para utilização pessoal (por pessoa física), individual e exclusiva do utilizador final no respetivo smartphone, não podendo, em caso algum, ser utilizados de forma a pôr em causa a segurança ou o bom funcionamento da rede da Vodafone.

Está de igual modo vedada a utilização dos tarifários Infinity para efeitos de revenda do serviço ou a sua exploração para qualquer outro fim, com vista à obtenção de um benefício económico, nomeadamente mediante a utilização do serviço para prestar serviços como telemarketing, televenda, cibercafés ou outros serviços de natureza comercial."

Um aviso deveria ter sido o procedimento da Vodafone

Vodafone conta cliente 3500 euros Vodafone RED Infinity

Assim sendo, dada a informação dada nos termos e condições do tarifário RED Infinity, a Vodafone deveria ter notificado o utilizador se considera que esta utilização não era propriamente devida.

Podemos continuar a ler nos termos e condições do serviço essa conclusão "O cliente autoriza a Vodafone a monitorizar a utilização do serviço com vista a evitar situações de fraude ou utilização indevida do serviço.

Em caso de utilização do serviço para fins não autorizados, a Vodafone reserva-se o direito de notificar o cliente de tal facto e, caso o padrão de consumo do cliente se mantenha, aplicar restrições à utilização do serviço ou mesmo suspender, ou terminar o contrato de prestação de serviços."

ARTIGO ATUALIZADO ABAIXO

Situação ainda está por resolver***

(situação resolvida, atualização abaixo) O utilizador referiu que ainda está a tratar da situação numa loja da Vodafone. Ou seja, ainda não sabemos o desfecho da situação. Contudo, ficaremos atentos ao que irá acontecer. Entretanto, fica o aviso se fores um cliente deste novo tarifário da Vodafone. Cuidado porque a internet não é propriamente ilimitada.

***ATUALIZAÇÃO 14:38 pm 2 janeiro: O utilizador acaba de referir no mesmo fórum que a situação já está resolvida. "Foi um erro, liguei para a Vodafone hoje de manhã e eles vão enviar uma nova fatura". Segundo o mesmo, foi um engano da Vodafone que culminou numa fatura tão avultada quanto se verificou. Continuamos, contudo, sem informação se podemos ou não utilizar o serviço num Router.

Por fim, se estás à procura do melhor tarifário com NET móvel ilimitada vê o nosso artigo com a solução ideal. Aí tens também um quadro comparativo com as ofertas das várias operadoras em Portugal.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.