Apple corrige a maior reclamação dos utilizadores de iPhone no iOS 16.1

Bruno Coelho
Comentar

Com a chegada dos novos iPhone 14 ao mercado, chegou também uma nova versão do iOS para todos os iPhone a partir do 8 e 8 Plus. Chama-se iOS 16, e fica marcado pelo regresso da percentagem da bateria à barra de estado nos iPhone com notch.

Contudo, esta funcionalidade não chegou como desejado. Embora os utilizadores possam ter finalmente a percentagem no indicador de bateria, este não funciona de forma dinâmica. O que dificulta a sua visualização de forma mais rápida.

iOS 16.1 traz ícone com percentagem de bateria dinâmica

Embora com a percentagem lá, o ícone da bateria fica sempre completo, dando a indicação aos utilizadores de que a bateria está totalmente carregada. Só vendo de forma mais próxima, a percentagem é que se pode verificar a capacidade exata.

Crédito: AppleHub
Crédito: TheAppleHub

Pois isso estará diferente no iOS 16.1. A Apple já lançou a versão beta da próxima variante do sistema operativo, e agora temos um ícone de percentagem de bateria dinâmico. Terá o aspeto que podes ver na imagem acima.

A Apple dá assim ouvidos às queixas dos utilizadores que não gostaram da forma como a disposição da percentagem da bateria ficava, sem o dinamismo do ícone a acompanhar. Mas não é a única queixa a ser ouvida pela Apple.

apple

iPhone XR, iPhone 11, iPhone 12 mini e iPhone 13 mini também terão acesso à novidade

Também no iOS 16.1, a Apple vai disponibilizar o novo ícone com percentagem de bateria nos iPhone que deixou de fora do iOS 16 sem razão aparente. Assim, tanto o iPhone XR, como o iPhone 11, iPhone 12 mini e iPhone 13 mini vão ter acesso a esta funcionalidade.

Deves ter em conta que o iOS 16.1 ainda se encontra em fase de testes. Contudo, é esperado que chegue a todos os iPhone compatíveis durante as próximas semanas.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.