3 razões para não comprar os novos iPhone 13

Bruno Coelho

Os novos iPhone 13 foram apresentados na última semana pela Apple. Quatro novos equipamentos atrativos, principalmente para todos aqueles que desejam comprar o seu primeiro iPhone ou trocar o antigo.

Se és utilizador de iPhone e já estás habituado, não será um problema trocar para um dos novos modelos. Mas se atualmente és utilizador de Android e pensas trocar, deixo-te três razões pelas quais não o deves fazer.

1. Falta de porta USB-C para carregamento

A porta USB-C já se tornou o padrão da indústria de smartphones. Praticamente todos os equipamentos que encontramos à venda no mercado já têm esta porta de carregamento universal. Mas se comprares iPhone, terás de andar com um cabo Lightning (proprietário da Apple) atrás.

2. Carregamento lento

Se tens um smartphones Android relativamente recente, notas que a velocidade de carregamento evoluiu bastante nos últimos tempos. Para se ter uma ideia, a Xiaomi acaba de lançar o 11T, um smartphone que carrega até 120W em apenas 17 minutos uma bateria de 5000mAh.

Mesmo que isto ainda seja uma gota no oceano, são já muitos os equipamentos com 50W ou 65W de velocidade de carregamento. Mas se comprares um iPhone 13 Pro Max, este só carrega a um máximo de 20W.

3. Sensor de impressões digitais

O FaceID é uma das formas mais seguras para desbloquear um equipamento. Mas o facto de a Apple só dar essa opção fez com que, no último ano e meio, os utilizadores tivessem muitas vezes que andar a tirar a máscara para desbloquear o seu iPhone, ou então a digitar o código vezes sem conta.

Algo que temos em qualquer smartphone Android é o desbloqueio por impressão digital no ecrã ou no botão de ligar/desligar. E tendo em conta que a Apple aplicou esta tecnologia nesse mesmo botão no iPad Air e iPad mini, não se entende porque não o fez nos iPhone. Seria um ótimo complemento ao FaceID.

iphone 13

Estas são apenas três razões para não comprares os novos iPhone 13, escritas por um utilizador do iPhone 12. Refletem a minha opinião, tendo em conta que uso regularmente iOS mas também Android.

Outras poderiam estar nesta lista, como a ultrapassada notch. Ou mesmo o facto de no iPhone não existirem gestos a partir da lateral para retroceder mais facilmente a partir de uma app. Pelo menos a taxa de atualização até 120Hz já é uma realidade nos novos iPhone 13 Pro, e neste artigo podes ler 3 razões para comprar os novos modelos.

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.