Xiaomi Redmi 6 Pro é oficial com Snapdragon 625 por 134€

Rui Bacelar
Xiaomi Redmi 6 Pro Android Oreo MIUI 5
O novo smartphone utiliza o sistema operativo Android Oreo da Google.

Com apresentação marcada para amanhã, 25 de junho, o smartphone Xiaomi Redmi 6 Pro já se encontra presente no site oficial da empresa. Aí, o terminal com o sistema operativo Android Oreo e a interface MIUI revela todos os seus detalhes, preço e características.

Ainda assim, amanhã contamos com a sua apresentação formal, esclarecendo alguns detalhes que porventura possam ter passado despercebidos. Ainda assim, no decurso das próximas linhas poderás ficar a saber tudo sobre este novo smartphone económico.

Sondagem: Quantos dados móveis (NET) utilizas no smartphone por mês?

Em primeiro lugar, o Xiaomi Redmi 6 Pro é apresentado escassas semanas após a apresentação dos Redmi 6 e Redmi 6A. Estes últimos sendo ainda mais económicos e duas sólidas apostas para o segmento de entrada ou gama baixa.

Já por outro lado, o novo smartphone com a plataforma Android Oreo chega-nos cerca de 6 meses depois do seu antecessor. Com efeito, o novo Redmi 6 Pro chega para substituir o Redmi 5 Plus, apresentado em dezembro de 2017 e atualmente no nosso mercado.

Chegou o novo Xiaomi Redmi 6 Pro!

Olhando agora para este novo smartphone Android, a nível de design aquilo que se torna mais evidente é a sua "notch". A monocelha, recorte ou entalhe no topo do ecrã / tela. Algo que o adapta a uma das mais pungentes tendências de 2018, sendo esta a "notch" popularizada pelo iPhone X da Apple. Algo que também caracteriza o novo topo de gama da empresa de Lei Jun, o Xiaomi Mi 8 e respectivas versões e edições.

Xiaomi Redmi 6 Pro Android Oreo MIUI 3
O novo smartphone com a plataforma Android Oreo estará disponível num total de 5 cores.

Para além da "notch" podemos ver que este novo smartphone de gama média apresenta umas margens consideráveis. Especialmente na porção inferior (queixo) do smartphone. Já por outro lado, apesar de estarem lá, as margens laterais apresentam-se reduzidas.

Software - Android Oreo com a MIUI 10 da Xiaomi

Note-se que esta margem inferior é grande o suficiente para alojar os botões capacitivos para navegação. Todavia, a MIUI 10 e o próprio Android Oreo estão perfeitamente preparados para os gestos de navegação. Algo que substitui a necessidade de recorrer aos botões capacitivos.

Olhando agora para a sua traseira vemos um design muito idêntico ao Redmi Note 5 Pro, entre outros smartphones recentes. O design mantém-se entre os mais recentes lançamentos da empresa chinesa, algo que pode até baralhar o consumidor.

Ainda assim, salienta-se a sua construção metálica, apesar da porção superior e inferior aparentarem ser em plástico. Aí estão localizadas as principais antigas para garantir uma boa recepção de sinal de rede, Wi-Fi, Bluetooth e a localização GPS.

Xiaomi Redmi 6 Pro Android Oreo MIUI 7
O smartphone utiliza a interface MIUI 10, baseada no Android Oreo da Google.

Já no interior do novo Xiaomi Redmi 6 Pro temos o já famoso e não muito novo Snapdragon 625 da Qualcomm. Não deixa e ser um processador capaz, um octa-core a 2.0Ghz a 64-bits mas não é propriamente uma novidade. Aliás, sendo utilizado pela marca desde o Mi 5X / Mi A1.

Quais as características do Xiaomi Redmi 6 Pro?

O smartphone conta com um leitor de impressões digitais / sensor biométrico na sua traseira. Conta também com uma câmara dupla de 12MP (abertura focal de f/2.2 ) e 5MP para criar o efeito de fundo desfocado (efeito bokeh). Já aqui vimos as primeiras fotos.

O design em si não é mau ou desprovido de elegância. Contudo, não deixa de ser a mesma fórmula utilizada até à exaustão. Seria bom ver um toque de originalidade mas quando se lança smartphones de 6 em 6 meses alguns compromissos têm que ser feitos.

Xiaomi Redmi 6 Pro Android Oreo MIUI 6
Temos aqui uma câmara dupla de 12MP e 5MP na traseira deste smartphone Android.

Já a nível de ecrã temos uma tela de 5.84 polegadas de diagonal. Tratando-se de um painel IPS LCD apresenta uma resolução de Full-HD (1080p) com o formato 19:9 para acomodar a notch.

O que mais nos oferece este Xiaomi Redmi 6 Pro?

Apresenta também 3GB ou 4GB de memória RAM e 32GB ou 64GB de armazenamento interno. Podemos ainda apontar a presença da inteligência artificial (IA) para te ajudar a tirar a melhor foto possível. Temos também a EIS (estabilização eletrónica da imagem).

Esta câmara conta ainda com o modo HDR para além de poder gravar vídel em 1080p Full-HD, a 720p HD ou 480p, isto em 30fps. Pode também gravar em câmara lenta a 120fps em qualidade HD (720p).

Xiaomi Redmi 6 Pro Android Oreo MIUI 2
Temos aqui um ecrã de 5.84 polegadas com resolução Full-HD 1080p.

Já na sua parte frontal, dentro da notch, temos a sua câmara de 5MP para as selfies ou video-chamadas. Câmara esta que também apresenta o modo retrato. Além do modo beleza e que pode ser utilizada para desbloquear o smartphone através do reconhecimento facial.

Já em jeito de curiosidade, o Xiaomi Redmi 6 Pro apresenta uma slot tripla para dois cartões nano SIM e um cartão de memória microSD. Apresenta ainda uma bateria de 4000mAh de capacidade e mantém a porta microUSB 2.0.

Snapdragon 625 é o "motor" deste novo smartphone com Android Oreo

A nível de conetividades temos também o jack de 3.5mm (porta P2) além do emissor de infra-vermelhos para o poderes utilizar como um comando. Algo que está em falta nos Redmi 6 e Redmi 6A. Temos ainda carregamento a 5V/2A.

Xiaomi Redmi 6 Pro Android Oreo MIUI 1
Podes utilizar um cartão de memória e dois cartões SIM (nano) simultaneamente.

Poderás optar por um dos cinco esquemas de cor para este novo smartphone Android. A saber, entre o vermelho (Flame Red), o Rosa (Cherry Blossom Powder), o Dourado e o Preto ou Stone Black.

Quanto custa o novo Xiaomi Redmi 6 Pro?

Por último, a nível de preços o novo Xiaomi Redmi 6 Pro começa nos 999 yuan. Aqui o equivalente a 155 dólares ou 134 euros. Este é o preço da versão com 3GB de memória RAM e 32GB de armazenamento nativo.

Temos também uma versão intermédia com 4GB de memória RAM e 32GB de armazenamento interno. Esta custa 1199 yuan, o equivalente a 185 dólares ou a 159 euros.

Já por 1299 yuan, 200 dólares ou 172 euros terás a versão de topo com 4GB de memória RAM. Aqui com 64GB de armazenamento interno. Note-se que estes preços são os praticados no seu país natal, a China.

O smartphone começará a ser vendido na China a partir do dia 26 de junho. De momento não temos informações relativamente à sua disponibilidade nos mercados europeus.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Spider-Man: Far From Home – O título do próximo filme da Marvel

Google Play Store: Top 20 jogos grátis Android mais populares da semana

Xiaomi Mi Pad 4. As últimas confirmações antes da apresentação

Fonte | via

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).