Xiaomi prepara dois smartphones com o novo Qualcomm Snapdragon 670

Carlos Oliveira
Qualcomm Snapdragon 670 Xiaomi
O Qualcomm Snapdragon 670 é dos SoC´s mais esperados do ano

O Qualcomm Snapdragon 670 ainda não foi anunciado oficialmente mas já deixa água na boca a todos os entusiastas tecnológicos. O próximo SoC de gama média / alta da empresa americana parece bem promissor enquanto aguardamos a sua chegada ao mercado. Uma das marcas que irá adotar este novo processador será a Xiaomi, em pelo menos dois dos seus novos terminais.

Os rumores em torno deste novo SoC já pairam há alguns meses. Pelo que tem sido avançado, este Snapdragon 670 irá estabelecer um novo padrão na gama em que se insere. Este novo processador trará a performance dos topos de gama de 2016 aos gama média / alta de 2018 e 2019.

Vê ainda: Cria um wallpaper minimalista com o mapa mundo para Android e iPhone

Pelos primeiros testes de benchmark feitos a este SoC registaram-se valores que equivalem aos do OnePlus 3, topo de gama apresentado em junho de 2016. Tudo isto graças à adoção do processo de desenvolvimento de 10nm. A mesma litografia adotada no desenvolvimento do Qualcomm Snapdragon 835.

Assim, é com entusiasmo que se espera pelos primeiros smartphones a chegarem ao mercado com este processador. Se o Snapdragon 660 era já bastante capaz, o seu sucessor irá elevar ainda mais a fasquia.

Enquanto que o Qualcomm Snapdragon 670 não é oficialmente apresentado, temos já informações a darem conta de que a Xiaomi irá adotar este SoC em, pelo menos, dois dos seus novos equipamentos. Esta informação chega-nos por intermédio de Mishaal Rahman, editor-chefe do XDA Developers.

Qualcomm Snapdragon 670 será utilizado em breve pela Xiaomi

Segundo ele, a Xiaomi está a desenvolver dois equipamentos com o nome de código "comet" e "sirius". Ambos irão então ter como motor o futuro Qualcomm Snapdragon 670. Sem mais nada adiantado, especula-se que estes possam ser os novos Xiaomi Mi Note 4 e o Xiaomi Mi Max 3.

A mesma fonte confirma ainda que este processador será composto por oito núcleos de processamento. Seis dos quais mais económicos e que ficaram encarregues de tarefas menos exigentes. Os outros dois serão mais potentes, apenas despoletados em tarefas mais exigentes como, por exemplo, jogos.

Rumores apontam que os primeiros seis núcleos deste processador possam ser Kryo 300 Silver, ao passo que os outros dois serão Kryo 300 Gold. As suas frequências poderão fixar-se nos 1.7GHz e 2.5GHz respetivamente. São ainda esperadas melhorias em termos gráficos, graças à inclusão da nova GPU Adreno 615. Esta terá uma frequência de 700MHz.

Dado que a Qualcomm ainda não desvendou oficialmente este processador, ainda não temos pistas de quando o mesmo chegará ao mercado. Os primeiros smartphones com o Snapdragon 670 poderão surgir apenas na segunda metade deste ano.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Huawei Honor 10 contará com a mesma pintura do Huawei P20

Android. OnePlus 6 é agora imaginado em Azul, Preto e Branco

Android Oreo já está a ser testado para o Huawei P8 Lite (2017)

Fonte | Via

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.