Xiaomi Mi 1 faz 8 anos e a Xiaomi prepara-se para dar descontos nos novos equipamentos

Filipe Alves
Comentar

O Xiaomi Mi 1 foi revelado de forma oficial no dia 16 de agosto de 2011. Já lá vão quase 8 anos e a tecnologia evoluiu de uma forma impressionante. Para festejar esta data, o CEO da Xiaomi , Lei Jun, referiu que se prepara para dar descontos aos seus equipamentos.

Os descontos serão dados na China e Índia, contudo, espera-se que a loja oficial em Portugal e os retalhistas online também tenham descontos consideráveis. Já agora, se queres descontos em produtos Xiaomi, dá uma vista de olhos aos links mais abaixo.

Xiaomi Mi 1

Xiaomi Mi 1 revelado com especificações impressionantes

Ainda que agora não o possas reconhecer, o Xiaomi Mi 1 (ou Xiaomi Phone) tinha especificações impressionantes para a altura. Um processador Snapdragon S3 que corria a 1.5GHz, uns impressionantes 1GB de memória RAM e ainda 4GB de memória interna.

A bateria era outro trunfo do Xiaomi Mi 1. Com uma bateria de 1930 mAh, esta era enorme para a data em que foi revelado. Lembro que em 2011 um dos smartphones mais populares no mercado era o Samsung Galaxy S2 com um processador a correr 1.2GHz.

O preço era ainda mais impressionante. A Xiaomi desvendou o seu primeiro Mi 1 com um valor a rondar os 300€. Mais uma vez, ainda que agora pareça caro, é o mesmo que olharmos para o Xiaomi Mi 9 pelo mesmo preço. Uma verdadeira pechincha para o que nos oferece em troca.

Promoções em produtos Xiaomi

Estas ainda não são as promoções que chegarão por parte da Xiaomi. Como referi, espera-se que estas cheguem às lojas oficiais (para já a única é no Porto) e a mais retalhistas online.

Contudo, tens aqui um leque de produtos a preços vantajosos. Assim sendo, se estás à procura de salvar uns trocos na compra de um novo equipamento, este é o momento certo.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.