Xiaomi BlackShark 3 Pro é desmontado revelando os segredos do seu interior

Bruno Coelho
Comentar

O BlackShark 3 Pro é a mais recente aposta da Xiaomi no segmento de gaming mobile. O equipamento já passou pelo canal de Youtube JerryRigEverything para a habitual desmontagem.

Os smartphones gaming são construídos de forma a que o processador e a gráfica possam funcionar a toda a velocidade durante mais tempo do que o normal. E neste equipamento isso é bastante notório.

Depois de remover a parte traseira de vidro, encontramos dois tubos de cobre ligados aos escudos de metal que ficam em cima do processador. E isso mostra logo o trabalho diferente feito aqui pela marca.

Para chegarmos à remoção de todo SoC, é necessário remover primeiro o painel. Aí passa-se a ter acesso não só ao SoC, mas como a tudo o que é necessário ter para fazer a refrigeração.

BlackShark 3 Pro tem duas baterias com carregamento de 65W

Neste equipamento a Xiaomi não tem uma, mas sim duas baterias. Estas terão sido separadas para que a marca consiga alcançar um carregamento bastante rápido de 65W, como já vimos em marcas como a Oppo ou a Realme.

O BlackShark 3 Pro é, para já, um dos equipamentos gaming mais interessantes do segmento mobile. Mas é preciso recordar que a Asus reinou neste segmento em 2019, e ainda aguardamos pelo seu lançamento.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.